Estrutura Física

UEM

UEL

Por se tratar de um programa associado, o PPU conta com uma ampla gama de ambientes das duas IES associadas, mais especificamente do Centro de Tecnologia da UEM e do Centro de Tecnologia e Urbanismo da UEL. As duas IES possuem secretarias exclusivas para a pós-graduação stricto sensu, sendo que na UEM a secretaria é exclusiva do próprio Programa e conta com um secretário, enquanto na UEL é compartilhada com outros dois programas. Ambas IES possuem salas de aula exclusivas para o Programa e salas de defesas devidamente equipadas. Estas salas são dotadas de tela, projetor, televisão, computador, ar-condicionado, acesso à internet e com disponibilidade de equipamento para web conferência. No caso da UEL, existe uma sala de estudo específica para os discentes e, na UEM, os grupos de pesquisa contam com espaço de trabalho próprio.

Laboratórios

Os dois centros citados possuem juntos 30 laboratórios, utilizados na graduação e pós-graduação, listados a seguir, com respectivas coordenações quando elas envolvem professores do Programa:

1. Centro de Pesquisa e Documentação DAU\UEM

2. Lab. de Conforto Ambiental, Acústico, Térmico, Luminoso e Ergonomia-LACAE UEM (coord. Professora Marieli Lukiantchuki)

3. Lab.  de Modelos Tridimensionais (Maquetaria) UEM

4. Lab.  de Estradas UEM

5. Lab.  de Materiais de Construção e Mecânica dos Solos UEM

6. Lab.  de Hidráulica UEM

7. Lab.  de Transportes UEM

8. Lab.  de Saneamento e Meio Ambiente UEM

9. Lab. de Topografia UEM

10. Lab.  de Geoprocessamento UEM

11. Lab.  de Mecânica Computacional (LMC) UEM

12. Lab. de Projeto e Planejamento Urbano – LAPPUR UEM

13. Lab. de Urbanismo Regional-LURe UEM (coord. Professora Gislaine Elizete Beloto)

14. Lab. de Informática Aplicada à Arquitetura UEM

15. Lab.  de Informática UEL

16. Lab. de Orientação e Iniciação Científica UEL

17. Lab.  de Modelos e maquetaria UEL (coord. Professor Jorge Daniel de Moura)

18. Lab. de Conforto Ambiental UEL

19. Lab. de Desempenho em Edificações UEL

20. Lab.  de Materiais de Construção UEL

21. Lab.  de Hidráulica e Mecânica dos Fluídos UEL

22. Lab.  Sistemas Hidráulicos Prediais UEL

23. Lab. de Conforto Ambiental e Engenharia de Segurança do Trabalho UEL

24. Lab. de Saneamento UEL

25. Lab. de Geotecnia UEL

26. Lab.  de Estruturas UEL

27. Lab.  da Paisagem UEL LabPaisagem (coord. Professor Humberto Yamaki)

28. Lab. de Arquitetura e Urbanismo UEL – LAU (centro de documentação)

29. Lab. de Documentação Arquitetônica e da Construção Luiz César da Silva UEL

30. Lab. Escola de Pós-Graduação LABESC UEL

Dentre estes laboratórios, pode-se destacar o LACAE-UEM pela relação com o Programa. Sob a coordenação da professora Marieli Lukiantchuki, este laboratório tem realizado estudos de ventilação natural através de simulação computacional e ensaios experimentais com auxílio da mesa d’água (uma parceria com o Laboratório do IAU/USP), como também, avaliação do desempenho térmico e energético das edificações por meio de simulações computacionais (Energyplus). Este laboratório tem propiciado forte interação entre graduação e pós-graduação. Destaca-se também o Laboratório de Modelos e Maquetaria-UEL, com a coordenação do professor Jorge Daniel de Moura, que realiza ensaios de vigas e painéis em diversas tecnologias com Pinus e Bambu, resultando em 8 dissertações e 3 teses em andamento. Esse trabalho sobressai também pelo uso de infraestrutura externa, pela parceria com o Instituto de Tecnologia em Papel e Celulose ITPC, vinculado ao SENAI Telêmaco Borba, com o desenvolvimento de eucalipto de alto desempenho. Outro destaque é o LURe-UEM, coordenado pela professora Gislaine Beloto que, em conjunto com os grupos de pesquisas Arte, arquitetura e cidade e Cidade e paisagem, vem construindo desde 2019 um importante acervo fotográfico de sobrevoos periódicos das cidades de Maringá e Londrina, com respectivas áreas conurbadas.

Deve-se valorizar ainda a relação do Programa com dois núcleos: o Núcleo Interdisciplinar de Gestão Pública – NIGEP (http://www.uel.br/projetos/nigep/) e o Núcleo de Estudos e Pesquisas de Engenharia e Arquitetura – NEPEA (http://www.uel.br/nucleos/nepea/). Ambos localizados na UEL e dirigidos por professores do Programa, respectivamente, a professora Vera Suguihiro e o professor Rovenir Duarte. O NIGEP tem se destacado pela pesquisa e acompanhamento em políticas públicas, com parcerias com diversas prefeituras, além de desenvolver ações e planos de controle público da Pandemia COVID-19 (cf. Impacto do COVID nas ações do Programa). É importante sublinhar também que o NIGEP opera com aportes de recursos substanciais, por meio de convênios. O NEPEA, que será discorrido a seguir no subitem Informática, é um Núcleo que integra atividades de pesquisa e extensão, gerando importante impacto social e, entre diversas ações, vincula-se ao Escritório Modelo e a dois Programas de Atendimento à Sociedade (PAS), voltados para projetos técnicos para prefeituras em infraestrutura aeroportuária e plano diretor.

Informática

As atividades do Programa são atendidas por dois laboratórios de informática presentes nos centros das duas IES associadas. A rede lógica com WiFi implantada nos dois campi nos últimos anos tem sido aprimorada. Em relação a software, as IES possuem convênios com alguns dos principais pacotes e suítes (Microsoft©, Google© e Autodesk©), além de acesso ao software ArcGIS 10.5 (recurso MEC/SESU via projeto de extensão do professor Gilson Bergoc, UEL), Energyplus e Solid Works, Ansys e CATIA (via Grupo de Pesquisa em Tecnologia e Inovação, do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil da UEL, parceria com projeto de pesquisa ZEMCH e Lab. de Modelos UEL).

Algo que se deve ressaltar é a formação no Núcleo de Estudos e Pesquisas de Engenharia e Arquitetura UEL (NEPEA), ainda que em estágio inicial, de um ambiente de fabricação digital para articular pesquisa e extensão. Estão instaladas neste Núcleo a cortadora e a gravadora a laser modelo 1390/90, área de 1300mm X 900mm (recurso CNPq, professora Ercília Hirota) e a impressora 3D ZMORPH VX 2.0 em parceria com a Agência de Inovação Tecnológica – AINTEC, da UEL.  Esta agência, que abriga a Incubadora Internacional de Empresas de Base Tecnológica (INTUEL), possui o Escritório de Design (EDN) que visa transferir para a sociedade conhecimentos e tecnologia que resultem em inovações. A primeira ação desta parceria com o PPU foi a concessão de uso e guarda desta impressora no NEPEA (coordenado pelo professor Rovenir Duarte). Planeja-se para o próximo ano a aquisição de um computador workstation para auxiliar exclusivamente as pesquisas mais avançadas computacionais (recurso CNPq, professora Ercilia Hirota) para se instalar também neste núcleo. Ainda é possível elencar a aquisição de óculos para simulação de realidade virtual (recurso Fundação Araucária, professor César Imai) e um drone para o LabPaisagem (coordeado pelo professor Humberto Yamaki).

Biblioteca

Sobre o acervo bibliográfico, os discentes deste Programa associado utilizam as instalações e o acervo das bibliotecas centrais das duas IES. Ambas bibliotecas têm acesso ao Portal de Periódicos da CAPES e participam do COMUT. Além disso, a Biblioteca da UEM participa da rede ANTARES, sendo um Posto de Serviço de Acesso à Base de Dados tipo B, coordenado pelo IBICT – Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia. Deve-se destacar também o espaço do Laboratório de Arquitetura e Urbanismo (LAU) do DAU/UEL que acerva mais de 3000 títulos em arquitetura e urbanismo com a ajuda dos recursos do curso de Especialização Composição e Tecnologia do Espaço Construído (Pós-Graduação Lato Sensu UEL). Além das bibliotecas, os volumes impressos das dissertações e, futuramente das teses, ficam disponíveis em ambas as secretarias, além do acesso digital no site do Programa.

Consonância da infraestrutura com objetivos do Programa

A articulação entre a coordenação do PPU e a AINTEC – Agência de Inovação da UEL já permitiu a instalação de equipamento para manufatura aditiva, adquirida pela agência, no laboratório de modelos do CTU. Este equipamento complementa as funções da cortadora laser adquirida com recursos CNPq para dar apoio aos estudos já mencionados no item 1.12. Por isso, recursos disponíveis em outro projeto com financiamento CNPq devem ser canalizados para a aquisição de uma estação de trabalho para potencializar o processamento de dados dos softwares de modelagem digital e conectar aos equipamentos de manufatura digital e corte.

Além das citadas parcerias com Instituto Senai de Tecnologia em Madeira e Mobiliário (como infraestrutura externa) e com a AINTEC-UEL, que têm buscado aproximações a tecnologias inovadoras, algumas ações e pesquisas têm sinalizado possíveis investimentos futuros. Destacam-se assim as atividades em reconhecimento de padrões com visão computacional, desenvolvimento de modelos generativos baseados em Inteligência Artificial além da exploração de metodologias de projeto no Smart Campus UEL, que apontam para investimento em uma workstation mais apropriada (cf. Planejamento Estratégico).

UEM

UEL