Vestígios românticos na literatura de autoria feminina

Nincia Cecilia Ribas Borges Teixeira

Resumo


O presente trabalho visa investigar minicontos de Lia Beltrão publicados no site literário Escritoras Suicidas, salientando os vestígios da tradição romântica a partir do subjetivismo encontrado na escrita da autora. Os textos estudados apresentam-se com um campo de instauração de novos significados; além disso, analisam-se conexões entre a identidade e a escrita de si que emerge no contemporâneo como campo de criação pelo qual a escrita de autoria feminina instaura novos significados ao ficcionalizar experiências vividas.


Palavras-chave


Narrativa feminina contemporânea; Romantismo; Subjetivismo

Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, Pedro Galas. Trato desfeito: o revés autobiográfico na literatura contemporânea brasileira. 2011. 107 f. Diss. (Mestrado em Literatura) - Universidade de Brasília, Brasília.

BAUMGARTEN, A. G. Estética – A lógica da arte e do poema. Petrópolis: Vozes, 1993.

BEAUVOIR, Simone de. O segundo sexo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1980. v.1.

BELTRÃO, Lia. Escritoras Suicidas. Disponível em: . Acesso em 20 maio 2014.

BLANCHOT, Maurice. O espaço literário. Rio de Janeiro: Rocco, 1987.

BRUNO, Fernanda. Quem está olhando? Variações do público e do privado em weblogs, fotologs e reality shows. Contemporãnea: Revista de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas da UFBA (Salvador). 2005, vol. 3, n.2, pp. 53-70.

CANDIDO, Antonio. Literatura e sociedade. 7. ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1985.

CASTELLO BRANCO, Lucia. O que é escrita feminina. São Paulo: Brasiliense, 1991.

CHARTIER, Roger. O mundo como representação. Estud. av. [online]. 1991, vol. 5, n. 11, pp. 173-191. Disponível em: . ISSN 0103-4014. http:// dx.doi.org/10.1590/S0103-40141991000100010

COSTA LIMA, Luiz. Concepção de história literária na Formação. Pensando nos trópicos. Dispersa demanda II. Rio de Janeiro: Rocco, 1991. p. 149-166.

COSTA, Sérgio. Amores fáceis: romantismo e consumo na modernidade tardia. Novos estud. - CEBRAP [online]. 2005, n. 73, pp. 111-124 . Disponível em: . ISSN 0101-3300. http://dx.doi.org/10.1590/S0101-33002005000300008.

CORRÊA, Regina Helena M. A. Literatura, Texto e Hipertexto. Terra Roxa e outras terras. 2006, vol. 8. Disponível em: .

DUARTE, Luiz Fernando. O culto do eu no templo da razão, em “Três ensaios sobre pessoa e modernidade”. Boletim do Museu Nacional (Rio de Janeiro). 1983, vol. 41, pp. 2-27.

ECO, Umberto. Obra aberta. São Paulo: Perspectiva, 2003.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

KLINGER, Diana Irene. Escritas de si, escritas do outro: autoficção e etnografia na narrativa latino-americana contemporânea, 2006. 204 f. Tese (doutorado) – Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Instituto de Letras.

LEJEUNE, Philippe. Le pacte autobiographique. Paris: Seuil, 1975.

LÖWY, Michael; Sayre, Robert. Revolta e melancolia: o romantismo na contramão da modernidade. Rio de Janeiro: Vozes, 1995.

LÖWY, Michael; Sayre, Robert. Revisitações do romantismo: entrevista com Michael Löwy. Disponível em: . 2011.

OLIVEIRA, Nelson. Disponível em: PIÑON, Nélida. A força do destino. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997.

RICO, Francisco. La novela picaresca y el punto de vista. Barcelona: Seix Barral, 1989.

SIBILIA, Paula. O show do eu: a intimidade como espetáculo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2008.

ROSENFELD, Anatol. Texto e Contexto I: Reflexões sobre o romance Moderno. São Paulo: Perspectiva, 1996.

VIEGAS, Ana Cláudia. O “retorno do autor” – relatos de e sobre escritores contemporâneos. Henriqueta do Coutto Prado Valladares, org. Paisagens ficcionais: perspectivas entre o eu e o outro. Rio de Janeiro: 7Letras, 2007.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1678-2054.2014v27p6

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Publicação do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Estadual de Londrina.  


ISSN: 1678-2054

QUALIS - CAPES 2013-2016: Letras/Linguística: B1 ; Educação: B2

Os artigos têm Identificador de Objeto Digital (DOI). 
 
Índice de Citações dos artigosGoogle Acadêmico

a) índice h1 - (>2016) - 11
b) índice i10 - (>2016) - 14

MIAR - ICDS (2021) - 6.3

Fale conosco