Dependência e desenvolvimento na América Latina: o papel dos Estados nacionais na nova ordem mundial

Ronaldo Baltar

Resumo


A questão básica proposta neste texto visa discutir a relação entre Estado e economia da perspectiva da internacionalização dos mercados e do capital partindo da premissa de que a compreensão do desenvolvimento do capitalismo moderno está além dos estudos que possuem como objeto os Estados nacionais isoladamente. As questões referentes à compreensão das transformações políticas na América Latina passam a requerer análises integradas de forma a que seja possível dimensionar o papel das crises econômicas e das mudanças de regime político na especificidade do processo desenvolvimento capitalista dos países latino-americanos.



Palavras-chave


América Latina – desenvolvimento; America Latina – dependência; Globalização; Mercado – internacionalização.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.1994v15n3p245

Semina, Ciênc. Soc. Hum.

email: seminahumanas@uel.br
E-ISSN: 1679-0383

DOI: 10.5433/1679-0383


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

SalvarSalvarSalvarSalvar