A gestão educacional com o i-Educar: análise da viabilidade de implantação no município de Palotina – Paraná

Raquel Angela Speck, Marcos Antonio Schreiner, Josiane Patrícia Rodrigues Dos Santos Soares, Lucas Bernardes da Silva, Gabriel Augusto Lenhart

Resumo


A sociedade moderna vive um modelo de organização política, cultural e administrativa em que a gestão eficiente das instituições públicas adquiriu centralidade e contornos gerenciais. No caso das instituições de ensino não é diferente, na medida em que a gestão escolar também tem sido discutida sob a ótica da qualidade e da eficiência. No contexto de desenvolvimento e evolução das novas tecnologias de informação e comunicação, a administração destas instituições requer pessoas que possam utilizar informações gerenciais para tomar decisões ágeis, assertivas, de qualidade e baixo custo. Tais requisitos quanto ao trato das informações podem ser alcançados mais facilmente quando se utilizam software gerenciais que automatizam o sistema de informação, monitoramento e controle. Neste artigo, analisamos a aplicação do software livre denominado i-Educar, que auxilia na gestão de informações educacionais, apontando para a viabilidade de sua implantação no município de Palotina, no Estado do Paraná. Após serem apresentadas e analisadas as suas principais características e funcionalidades, conclui-se pela adequação deste sistema à realidade educacional do município, dado a inexistência neste de programas para o planejamento e gestão dos dados educacionais.

Palavras-chave


i-Educar; Software Educacional; Gestão Educacional

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.2018v39n1p65

Semina, Ciênc. Soc. Hum.

email: seminahumanas@uel.br
E-ISSN: 1679-0383

DOI: 10.5433/1679-0383


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

SalvarSalvarSalvarSalvar