Aspectos epidemiológicos de cães avaliados mielograficamente: 61 casos (2003-2012)

Marina Rodacki, José Ademar Villanova Junior, Ubirajara Iobi Tasqueti, Claudia Turra Pimpão, Antonia Maria Binder do Prado

Abstract


A mielografia é utilizada no diagnóstico de doenças da coluna vertebral e medula espinhal. As indicações são suspeitas de lesões medulares não visualizadas em radiografias simples. Suas contraindicações são em pacientes com doenças infecciosas ou que sofreram trauma recente. Se comparada a outros métodos imaginológicos em cães, apresenta a vantagem de ter baixo custo do exame e de manutenção. Como desvantagem, apresenta maior tempo para a realização do exame, risco de convulsão e óbito. O objetivo deste trabalho foi caracterizar a população de cães submetidos à mielografia de acordo com os fatores: gravidade da lesão, raça, idade, sexo, estado reprodutivo, dieta, peso, doenças anteriores, região do canal vertebral acometido, localização na medula espinhal/meninge, causas dos sinais radiográficos e possíveis implicações. A base de dados foi a análise de prontuários e mielografias de 61 cães com suspeita de doença da coluna vertebral, medula espinhal e/ou meninges no período de janeiro de 2003 à dezembro de 2012. Os resultados mostram que a maioria dos pacientes apresentaram lesão grau 1. Cães sem raça definida foram os de maior prevalência. As idades com maior frequência foram 6 e 10 anos (média = 7,6 anos). Em relação ao sexo e estado reprodutivo, os machos não castrados foram mais acometidos. A ração comercial foi a mais frequente. O peso corpóreo entre 6 a 15 kg foi o mais significativo. A maioria não apresentou doenças anteriores. A região toracolombar foi a mais avaliada. A maioria das lesões eram extramedulares, e as causas em sua maior parte foram discopatias. As implicações da mielografia não foram significativas. Pode-se constatar que os dados em nosso meio tendem a se assemelhar com a literatura consultada, porém a literatura internacional tem pesquisado exames mais sensíveis, como tomografia computadorizada e ressonância magnética.


Keywords


Mielografia; Coluna vertebral; Medula espinhal; Discopatias caninas.



DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2014v35n6p3191

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433/1679-0359
E-mail: semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional