Produção e qualidade do leite de cabras Alpinas utilizando uréia em substituição ao farelo de soja

Roberto Germano Costa, Julicelly Gomes Barbosa, Rita de Cassia Ramos do Egypto Queiroga, Ariosvaldo Nunes Medeiros, Maria das Graças Xavier de Carvalho, Edvaldo Mesquita Beltrão Filho

Abstract


O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito da substituição parcial do farelo de soja por uréia na alimentação sobre a composição físico-química, perfil lipídico e características sensoriais do leite de cabras alpinas. Foram utilizadas 10 cabras alpinas multíparas, distribuídas em quadrado latino (5X5), cinco níveis de uréia (0,0; 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0%) e em cinco períodos experimentais, de 17 dias, sendo 12 de adaptação e 5 para coleta de dados. Não houve efeito para índice de densidade (g/cm3), teor de acidez (?D), proteína (%), extrato seco total (%), extrato seco desengordurado (%), cinzas (%) e características sensoriais (odor e flavor). A substituição do farelo de soja por uréia promoveu um incremento na concentração de gordura, bem como no teor de ácidos graxos de cadeia curta, sem, contudo, alterar as características sensoriais do leite.


Keywords


Cabra leiteira; Composição química; Nitrogênio não protéico; Produção de leite.

Full Text:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2014v35n6p3263

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433 / 1679-0359
E-mail:  semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença  Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional