Política e gastos sociais nos pequenos municípios paranaenses

Janio Rodrigues, Wilson Gerigk

Resumo


A pesquisa estudou os municípios paranaenses com população entre 20 e 50 mil habitantes. O objetivo foi determinar que fatores políticos influenciaram os gastos sociais locais. A abordagem utilizada foi quantitativa, com emprego de dados em painel. A amostra constitui-se pelos municípios que disponibilizaram seus dados à FINBRA, entre os anos de 2002 a 2012, totalizando 461 observações. As eleições locais influenciaram positivamente os gastos sociais nos municípios paranaenses. A ideologia partidária não se mostrou relevante. A competição política no Legislativo municipal indicou crescimento dos gastos sociais. A coligação indireta com o governo estadual impactou os gastos sociais totais, de educação e de saúde, aumentando-os.

Palavras-chave


Municípios; Gastos sociais; Políticas públicas; Fatores políticos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2318-9223.2018v6n0p52

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


AS SUBMISSÕES PARA ESTE PERIÓDICO FORAM DESCONTINUADAS. DETALHES NA CAPA: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/ros/index

ISSN: 2318-9223

 

QUALIS-CAPES: B5 - ADMINISTRAÇÃO, CONTÁBEIS E TURISMO

Indicadores e diretórios: