Recursos federais para financiamento de políticas públicas: consequências orçamentárias da não implementação do plano municipal de mobilidade urbana

Marcília Júnia de Andrade Oliveira, Fabrício Augusto de Oliveira, Raphael Rodrigues Ferreira

Resumo


O presente trabalho trata do atual contexto e dos desafios que envolvem a elaboração e implementação dos Planos de Mobilidade Urbana pelos municípios brasileiros. Para tanto, foi feita uma análise acerca da Mobilidade Urbana no Brasil e, em especial, da lei que trata do Plano de Mobilidade Urbana, de modo a diagnosticar o atual panorama nacional. Ao final, são levantadas algumas prováveis consequências – especialmente de natureza orçamentárias e de financiamento – que poderão afetar aqueles entes que não elaborem o plano até abril de 2018, alertando-se para uma possível crise no âmbito do financiamento das políticas de mobilidade. 


Palavras-chave


Plano Municipal de Mobilidade Urbana; Financiamento de políticas públicas; Recursos Federais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2318-9223.2018v6n0p74

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


AS SUBMISSÕES PARA ESTE PERIÓDICO FORAM DESCONTINUADAS. DETALHES NA CAPA: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/ros/index

ISSN: 2318-9223

 

QUALIS-CAPES: B5 - ADMINISTRAÇÃO, CONTÁBEIS E TURISMO

Indicadores e diretórios: