Dificuldades de Atuação de Iniciativas de Economia Solidária no Ambiente Concorrencial Capitalista

Marcio Luis Massaro

Resumo


O sistema capitalista pressupõe um ambiente de concorrência exacerbada, que impõe às empresas a necessidade de busca constante por estratégias de sobrevivência. Não obstante, empreendimentos baseados nos princípios de Economia Solidária atuam no mesmo ambiente concorrencial, enfrentando dificuldades para obter a competitividade necessária à sua permanência e progresso no mercado. Em uma rede de negócios tipicamente capitalistas, o poder de negociação de cada elo atuante define a capacidade de atrair lucros e, consequentemente, a sobrevivência do negócio. Verifica-se o caso de três cooperativas de catadores de recicláveis que atuam na cidade de Londrina-Pr.  


Palavras-chave


Mercado; Concorrência; Economia Solidária.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2318-9223.2014v2n1p161

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


AS SUBMISSÕES PARA ESTE PERIÓDICO FORAM DESCONTINUADAS. DETALHES NA CAPA: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/ros/index

ISSN: 2318-9223

 

QUALIS-CAPES: B5 - ADMINISTRAÇÃO, CONTÁBEIS E TURISMO

Indicadores e diretórios: