Um estudo sobre os motivos da não implementação do Custeio Baseado em Atividades (ABC) em uma indústria de café

Cristiana Rosa de Oliveira da Costa, Elvis Antonio Bim

Resumo


O custeio baseado em atividades (Activity Based Costing - ABC) e a gestão baseada em atividades (Activity Based Management - ABM) são ferramentas que contribuem para o gerenciamento das organizações. O objetivo deste trabalho foi apurar os motivos da não implementação do método de custeio ABC por uma indústria. O Custeio ABC tem por objetivo estudar as atividades da empresa como um todo, visando mostrar a realidade dos custos com clareza. A Gestão ABM, por sua vez, visualiza a empresa em dois níveis: operacional e econômico. Foram revisadas as etapas para implantação de um sistema de custeio ABC, as razões para sua implementação, bem como seus possíveis benefícios. Também foram abordados, de forma suplementar, quais os requisitos para a implementação de um sistema ABM, ressaltando-se a necessidade do ABC como ferramenta econômica e do JIT/TQM como ferramenta operacional. Após demonstrar os principais conceitos do custeio ABC, bem como suas principais vantagens, foi realizado um estudo de caso em uma indústria, cujo principal ramo de atividade é industrialização de café. Os resultados alcançados conduzem à conclusão de que, embora possa contribuir para a gestão de custos, esta contribuição sempre deve ser avaliada sob a ótica do custo-benefício, quando da implementação de um novo método de custos, ressaltando-se que os motivos que levaram a não adoção desse método de custeio pela empresa, onde foi realizado o estudo de caso, relacionaram-se diretamente com o baixo índice de custos indiretos, em relação aos custos totais, objetos de alocação de custos pela nova metodologia.


Palavras-chave


custeio ABC. Gestão ABM. Motivos de não implementação.

Texto completo:

PDF

Referências


AIDA, Marcelo. Análise do ABC do custo meta sob uma abordagem teórica. In: ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO, 26, 2002, Salvador. Anais... Salvador: ANPAD, 2002.

ATKINSON, Anthoy A. et al. Contabilidade Gerencial. São Paulo: Atlas, 2000.

BEUREN, Ilse Maria e ROEDEL, Ari. Utilização do custeio baseado em atividades - ABC (Activity Based Costing) nas maiores empresas de Santa Catarina. Contabilidade Finanças - USP, São Paulo, v.13, n. 30, p. 7-18, set./dez. 2002.

BRIMSON, James A. Contabilidade por atividades: uma abordagem de custeio baseado em atividades. São Paulo: Atlas, 1996. 229 p.

BORNIA, Antonio Cezar. Análise Gerencial de Custos. Porto Alegre: Bookman, 2002.

CHING, Hong Yuh. Gestão Baseada em Custeio por Atividades: ABM – Activity Based Management. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1997.

COGAN, Samuel. Activity-Based Costing (ABC) - A Poderosa Estratégia Empresarial. São Paulo: ABDR, 1994.

COOPER, Donald R.; SCHINDLER, Pamela S. Métodos de pesquisa em administração. 7. ed. Porto Alegre: Bookman, 2003.

GARRISON, Ray H.; NOREEN, Eric W. Contabilidade gerencial. 9. ed. Rio de Janeiro: LTC Editora, 2001.

HANSEN, Don R.; MOWEN, Maryanne M. Gestão de custos: contabilidade e controle. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2001.

HORNGREEN, Charles T. et al. Contabilidade de custos. Rio de Janeiro: LTC Editora, 2000.

JOHNSON, H. Thomas; KAPLAN, Robert S. A Relevância da contabilidade de custos. 2. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1996. 239 p.

JUNIOR, José Hernandez P; OLIVEIRA, Luís Martins de; COSTA, Rogério Guedes. Gestão Estratégica de Custos. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

MAHER, Michael. Contabilidade de custos: criando valor para a administração. São Paulo: Atlas, 2001.

MARTINS, Eliseu. Contabilidade de Custos: inclui o ABC. 9. ed. São Paulo: Atlas, 2003.

MARTINS, Vidigal Fernandes. Desenvolvimento de um modelo de resultados em serviços hospitalares com base na comparação entre receitas e custos das atividades associadas aos serviços. 2002. 117f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópoli, 2002.

NAKAGAWA, Masayuki. ABC Custeio Baseado em Atividades. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

PATTIO, Maria Luiza Pimenta. O impacto do sistema ABC no controle organizacional da Casa de Saúde Santa Maria. 2001. 95 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2001.

PLAYER, Steve; KEYS, David; LACERDA, Roberto. ABM Lições do Campo de Batalha. São Paulo: Makron Books do Brasil, 1997.

SAKURAI, Michiharu. Gerenciamento de Custos. São Paulo: Atlas, 1997.

RAIMUNDINI, Simone L. Aplicabilidade do sistema ABC e análise de custos: estudo de caso em hospitais públicos. 2003. 200 f. Dissertação (Mestrado em Administração) – Universidade Estadual de Maringá, Maringá, 2003.

VIEIRA, João M. ROBLES JUNIOR, Antonio. O Custeio baseado em Atividades (ABC) e a Gestão por Atividades (ABM) no Ambiente das Empresas de Autopeças do Estado de São Paulo. In: ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO, 26, 2002, Salvador. Anais... Salvador: ANPAD, 2002.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Estudos Contábeis
ISSN: 2237-0099