A criatividade para o desenvolvimento de produto inovador de moda

Lourdes Maria Puls, Lucas da Rosa, José Alfredo Beirão Filho

Resumo


A criatividade e a inovação são uma constante, no acelerado mundo da criação e produção do vestuário. Esses elementos básicos precisam estar profundamente ligados, para sustentar o bom desempenho de qualquer organização. Entretanto, a exigência de criar continuamente coleções de roupas, com peças inovadoras, tem sido um grande desafio e gerado muita tensão para alguns profissionais e estudantes que atuam na área. Em razão disso, na Universidade do Estado de Santa Catarina-UDESC, vem sendo desenvolvido projeto de pesquisa cujo objetivo é potencializar os conteúdos curriculares das disciplinas de desenho, do Curso de Bacharelado em Design de Moda, articulando-os com as competências e habilidades que preparam o profissional da área de criação, para o desenvolvimento de produto do vestuário de moda inovador. Assim, este estudo apresenta os resultados parciais da pesquisa, tanto no que se refere à construção de referencial teórico, com base nas informações e contribuições da bibliografia especializada, sobre criatividade e como ela é entendida no campo da moda, quanto no levantamento das fontes primárias, a serem utilizadas na primeira etapa da pesquisa de campo, relativa à década de 50, do século XX. Para alcançar o objetivo proposto, utilizou-se como método de investigação a pesquisa qualitativa, de caráter exploratório e descritivo e observação participante.


Palavras-chave


Criatividade; Inovação; Design de Moda

Texto completo:

PDF

Referências


ALENCAR, E. M. S. Criatividade. 2. ed. Brasília: UnB, 1993.

ANDRADE FILHO, J. F. de. Introdução à tecnologia têxtil. Rio de Janeiro: CETIQT/SENAI, 1987.

ARAÚJO, M. Tecnologia do Vestuário. Fundação Calouste Gulbenkian: Lisboa, 1996.

BAXTER, M. Projeto de produto: guia prático para o desenvolvimento de novos produtos. São Paulo:Edgard Blüchter, 2000.

BEIRÃO FILHO, J. A. Remodelando Corpos: as costureiras e suas reminiscências na Florianópolis de 1950. Florianópolis. 2004. Dissertação. (Mestrado em Engenharia de Produção) – Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, UFSC, 2004.

BERTASO, H. A. Projeto Marketing & Design de Moda. Porto Alegre. CFP SENAI de Artes Gráficas, 1997.

COSTA. M. I. Política de design para o fomento da inovação da cadeia de valor têxtil/confecção de moda. Rio de Janeiro. 2011 (Tese) – Programa de Pós-graduação em Design, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro- PUC.

GOMES. L. V. Criatividade: projeto, desenho, produto. Santa Maria, RS. sCHDs, 2001.

GOULARTI FILHO, A. JENOVEVA NETO, R. A indústria do vestuário – economia, estética e tecnologia. Florianópolis: Obra Jurídica, 1997.

GRAMIGNA M. R. ÁRVORE DAS COMPETÊNCIAS EM CRIATIVIDADE Revista Recre@rte n.5 Jun. 2006 Disponível em: http://www.iacat.com/revista/recrearte/recrearte05.htm

LIPOVETSKY, G. O Império do Efêmero: a moda e seu destino nas sociedades modernas. São Paulo: Companhia das Letras, 1997

LÖBACH, B. Design Industrial: bases para a configuração dos produtos industriais. São Paulo: Edgar Blücher, 2001.

OSTROWER, F. Criatividade e Processos de Criação. Rio de Janeiro: Vozes, 1977.

SILVA, A. C. V. Criatividade e inovação. 2009 Disponível em: http://www.administradores.com.br/artigos/cotidiano. Acesso em: 20 nov. 2014

SANT’ANNA, M. R. Teoria da Moda: sociedade imagem e consumo. Barueri. SP: Estação das Letras Editora, 2007.

SAVIOLO, S. TESTA, S. LE IMPRESSE DEL SISTEMA MODA - il manegement al servizio dela criatività. Milano, Itália: LGL Pechiera Borromeu, febraio, 2000.

RUCKI, Marie. Moda e linguagem do corpo. Gazeta Mercantil, São Paulo, fev. 2002. Caderno Especial, p.3

KOTLER, P. Princípios de Marketing. 7. ed. Rio de Janeiro: Prentice-Hall do Brasil Ltda, 1998.

LIPOVETSKY, G. O Império do Efemero: a Moda e seu destino nas sociedades modernas. Trad. Maria Lúcia Machado. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.

RECH, S. Moda: por um fio de qualidade. Florianópolis: Udesc, 2002.

RIGUEIRAL, C. Design & Moda – como agregar valor e diferenciar sua confecção. São Paulo: Fórum de competitividade, 2002.

SILVEIRA, I. Implantação da Tecnologia CAD na Indústria do Vestuário: um estudo de caso. Florianópolis, 2003. 212f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) – Programa de Pós Graduação em Engenharia de Produção, UFSC, Florianópolis.

VINCENT-RICARD, F. As Espirais da Moda. Trad. Maria Ines Rolin. São Paulo: Paz e Terra, 1989




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2236-2207.2015v6n2p144

Direitos autorais 2015 Projetica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Projética

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2236-2207

projetica@uel.br

 

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença 
Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.