User experience no contexto da inteligência artificial: uma revisão sistemática da literatura

Daiane Marcela Piccolo, Clayton Martins Pereira, Isaque Katahira, Silvana Aparecida Borsetti Gregorio Vidotti, Cecilio Merlotti Rodas

Resumo


Objetivo: Este artigo tem por objetivo apresentar uma revisão sistemática da literatura sobre o tema “Experiência do usuário no contexto da Inteligência Artificial”.
Metodologia: Constitui-se de uma pesquisa exploratória, de abordagem qualitativa e quantitativa, na qual foram selecionados e analisados artigos publicados em periódicos internacionais, indexados nas bases Web of Science e Scopus, que abordam diretamente o tema. Para isso, empregou-se como método a revisão sistemática de literatura com base no protocolo de Kitchenham (2004).
Resultados: A revisão sistemática de literatura revelou que ainda há poucos trabalhos publicados que tratam das questões envolvendo a experiência do usuário no contexto da Inteligência Artificial. Também foram identificados assuntos relacionados ao tema ainda pouco explorados na literatura.
Conclusões: Diante desse resultado, surge uma grande oportunidade para os profissionais da informação se envolverem e incentivarem a discussão deste tema junto às comunidades acadêmicas de pesquisa e desenvolvimento da Inteligência Artificial, uma vez que o foco das pesquisas tem sido no desenvolvimento de aplicações e não nos sentimentos e percepções que uma pessoa tem ao fazer uso de um produto ou serviço baseado nessa tecnologia.

Palavras-chave


Inteligência artificial; Experiência do usuário; Revisões de literatura; Protocolo de kitchenham

Texto completo:

PDF

Referências


ALI, M.; ALI, R.; KHAN, W. A.; HAN, S. C.; BANG, J.; HUR, T.; KIM, D.; LEE, S.; KANG, B. H. A Data-Driven Knowledge Acquisition System: An End-to-End Knowledge Engineering Process for Generating Production Rules. IEEE Access, New York, v. 6, p. 15587-15607, 2018.

ANDRADE, K. O.; JOAQUIM, R. C.; CAURIN, G. A.; CROCOMO, M. K. Evolutionary Algorithms for a Better Gaming Experience in Rehabilitation Robotics. Computers in Entertainment, New York, v. 16, n. 4, p. 1-15, 2018.

BARBOSA, W. L. C. A influência da inteligência artificial nas empresas. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Ciência da Computação) - Kroton Educacional, [s.l.], 2018. Disponível em: https://repositorio.pgsskroton.com/ handle/123456789/22430. Acesso em: 24 jan. 2020.

BELLMAN, R. E. An introduction to Artificial Intelligence: can computers think? San Francisco: Boyd & Fraser Publishing Company, 1978.

BIGRAS, E.; LEGER, P.; SENECAL, S. Recommendation Agent Adoption: How Recommendation Presentation Influences Employees' Perceptions, Behaviors, and Decision Quality. Applied Sciences-Basel, Montreal, v. 9, n. 4244, 2019.

BORBA, V. U.; AFFONSO, E. P.; SANTANA, R. C. G. Experiência do usuário: um estudo do site WIKICI. Informação & Tecnologia, João Pessoa, v. 4, n. 1, p. 21-34, 2017.

BURR, C.; CRISTIANINI, N.; LADYMAN, J. An Analysis of the Interaction Between Intelligent Software Agents and Human Users. Minds and Machines, Dordrecht, v. 28, p. 735-774, 2018.

CHIAVEGATTO. A. Curso de inteligência artificial do canal da USP. 2019. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=eiZoEw-_GA0&index=3& list=PLAudUnJeNg4tvUFZ8tXQDoAkFAASQzOHm. Acesso em: 24 jan. 2020.

CONEGLIAN, C. S.; FERREIRA, A. M. J. F. C.; MONTEIRO, S. D.; VIDOTTI, S. A. B. G.; SEGUNDO, J. E. S. A experiência do usuário nos mecanismos de busca knowledge graph e o knowledge vault. Informação@Profissões, Londrina, v. 6, n. 2, p. 35-59, 2017.

COWLEY, B. User-system-experience model for user centered design in computer games. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON ADAPTIVE HYPERMEDIA AND ADAPTIVE WEB-BASED SYSTEMS, 4., 2006, Dublin. Proceedings […]. Dublin: Springer, 2006. p. 419-424.

DYBA, T.; DINGSOYR, T.; HANSSEN, G. K. Applying Systematic Reviews to Diverse Study Types: An Experience Report. In: INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON EMPIRICAL SOFTWARE ENGINEERING AND MEASUREMENT, 1., 2007, Madrid. Proceedings […]. Madrid: IEEE, 2007. p. 225-234.

FERNANDES, J. G. L.; SILVA, N. A. M.; BROCK, T. R.; QUEIROGA, A. P. G. de; RODRIGUES, L. C. Inteligência Artificial: Uma Visão Geral. Revista Eletrônica Engenharia Estudos e Debates, São José do Rio Preto, v. 1, n. 1, 2018.

FERNEDA, E. Redes Neurais e sua aplicação em sistemas de recuperação de informação. Ciência da Informação, Brasília, v. 35, n. 1, p. 25-30, 2006.

GONTIJO, M. C. A.; ARAÚJO, R. F.; OLIVEIRA, M. A produção científica sobre inteligência artificial e seus impactos: análise de indicadores bibliométricos e altimétricos. Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia, João Pessoa, v. 14, n. 3, 2019.

HAUGELAND, J. Artificial Intelligence: The Very Idea. Cambridge: MIT Press, 1985.

INTERNATIONAL STANDARD ORGANIZATION. ISO 9241: Ergonomics of human system interaction - Part 210: Human-Centered design for interactive systems, 2010. Disponível em: https://www.sis.se/api/ document/preview/912053. Acesso em: 24 jan. 2020.

KANTOSALO, A.; RIIHIAHO, S. Quantifying co-creative writing experiences. Digital Creativity, London, v. 30, n. 1, p. 23-38, 2019.

KITCHENHAM, B. Procedures for performing systematic reviews. Keele University Joint Technical Report, Staffordshire, v. 33, n. 2004, p. 1-26, 2004.

LEITE, B. R. A.; FERREIRA, D. R. N.; ROSÁRIO, L. S.; CARLSON, L. H. C.; LIMA, A. A.; FREY, I. A. Inteligência Artificial e Programas de Computador: Mapeamento Tecnológico dos Registros no Brasil. Revista INGI - Indicação Geográfica e Inovação, Aracaju, v. 4, n. 1, p. 617-630, 2020.

LOUP-ESCANDE, E.; FRENOY, R.; POPLIMONT, G.; THOUVENIN, I.; GAPENNE, O.; MEGALAKAKI, O. Contributions of mixed reality in a calligraphy learning task: Effects of supplementary visual feedback and expertise on cognitive load, user experience and gestural performance. Computers in Human Behavior, Amsterdam, v. 75, p. 42-49, 2017.

MAHUT, T.; BOUCHARD, C.; OMHOVER, J. F.; FAVART, C.; ESQUIVEL, D. Interaction Design and Metaphor through a Physical and Digital Taxonomy. International Journal of Interactive Design and Manufacturing, Heidelberg, v. 12, n. 2, p. 629-649, 2018.

MORRA, L.; LAMBERTI, F.; PRATTICO, F. G.; LA ROSA, S.; MONTUSCHI, P. Building Trust in Autonomous Vehicles: Role of Virtual Reality Driving Simulators in HMI Design. IEEE Transactions on Vehicular Technology, New York, v. 68, n. 10, p. 9438-9450, 2019.

NADARZYNSKI, T.; MILES, O.; COWIE, A.; RIDGE, D. Acceptability of artificial intelligence (AI)-led chatbot services in healthcare: A mixed-methods study. Digital Health, Thousand Oaks, v. 5, n. 2055207619871808, 2019.

QIAN, Y.; LU, J. Y.; MIAO, Y. M.; JI, W.; JIN, R. C.; SONG, E. M. AIEM: AIEnabled Affective Experience Management. Future Generation Computer Systems - The International Journal of e-Science, Amsterdam, v. 89, p. 438- 445, 2018.

RABHI, Y.; MRABET, M.; FNAIECH, F. A facial expression-controlled wheelchair for people with disabilities. Computer Methods and Programs in Biomedicine, Amsterdam, v. 165, p. 89-105, 2018.

RIPAMONTI, L. A.; MANNALA, M.; GADIA, D.; MAGGIORINI, D. Procedural content generation for platformers: designing and testing FUN PLEdGE. Multimedia Tools and Applications, Dordrecht, v. 76, n. 4, p. 5001-5050, 2017.

RODAS, C. M.; VIDOTTI, S. A. B. G.; MONTEIRO, S. D. Interfaces entre a arquitetura da informação e a semiótica. Informação & Tecnologia, João Pessoa, v. 5, n. 2, p. 163-180, 2018. RODRIGUEZ-ASCASO, A. BOTICARIO, J.G.; FINAT, C.; PETRIE, H. Setting accessibility preferences about learning objects within adaptive e-learning systems: User experience and organizational aspects. Expert Systems, New York, v. 34, n. 12187, 2017.

RUSSEL S.; NORVIG, P. Inteligência Artificial: Uma Abordagem Moderna. 3. ed. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2013.

RYBARCZYK, Y.; MEDINA, J. L. P.; LECONTE, L.; JIMENES, K.; GONZALEZ, M.; ESPARZA, D. Implementation and Assessment of an Intelligent Motor TeleRehabilitation Platform. Electronics, New York, v. 8, n. 58, 2019.

SILVA, J. A. S.; MAIRINK, C. H. P. Inteligência artificial. LIBERTAS: Revista de Ciências Sociais Aplicadas, Belo Horizonte, v. 9, n. 2, p. 64-85, 2019.

SILVA, N.; NATHANHSON, B. M. Análise da produção científica em Inteligência Artificial na área da Ciência da Informação no Brasil. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 19., 2018, Londrina. Anais [...]. Londrina: ANCIB, 2018.

SOUZA, K. E. S.; SERUFFO, M. C. R.; MELLO, H. D.; SOUZA, D. D.; VELLASCO, M. M. B. R. User Experience Evaluation Using Mouse Tracking and Artificial Intelligence. IEEE Access, New York, v. 7, p. 96506-96515, 2019.

STEPHENS, T. N.; JOERIN, A.; RAUWS, M.; WERK, L. N. Feasibility of pediatric obesity and prediabetes treatment support through Tess, the AI behavioral coaching chatbot. Translational Behavioral Medicine, London, v. 9, n. 3, p. 440-447, 2019.

STYLIANOU, A. C.; SMITH, R. D.; MADEY, G. R. An Empirical-Model for The Evaluation and Selection of Expert-System Shells. Expert Systems with Applications, New York, v. 8, n. 1, p. 143-155, 1995.

UEDA, Y.; MATSUMOTO, K.; ZEMPO, H. User Experience Design in Fujitsu. Fujitsu Scientific & Technical Journal, Kawasaki, v. 54, n. 1, p. 3-8, 2018.

VIANA, C. L. M. O impacto das Inteligências Artificiais na formação dos Bibliotecários e Cientistas da Informação: revisão de literatura. Ciência da Informação, Brasília, v. 19, n. 1, 1990.

VIDOTTI, S. A. B. G.; SANCHES, S. A. S. Arquitetura da Informação em web sites. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE BIBLIOTECAS DIGITAIS, 2., 2004, Campinas. Anais [...]. Campinas: Unicamp, 2004.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2021v26n3p302

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional