Responsabilidade Social em Biblioteconomia: caminhos históricos e possibilidades no ensino

Marielle Barros Moraes

Resumo


Introdução: A responsabilidade social no âmbito da Biblioteconomia vem se tornando cada dia objeto de estudos e prática profissional. Este artigo realiza um levantamento bibliográfico sobre as diversas visões de responsabilidade social atribuídas ao bibliotecário no decorrer do século XX, momento em que o conceito passou a ser discutido no âmbito da American Library Association. Entende-se que essa discussão contribui para que se possa elaborar currículos de Biblioteconomia tendo como um de seus pilares a responsabilidade social. Objetivo: refletir acerca das contribuições das discussões da responsabilidade social no âmbito da American Library Association para o ensino de Biblioteconomia. Metodologia: Trata-se de um artigo de revisão, pautado em pesquisa exploratória-bibliográfica, tendo como fonte as referências bibliográficas encontradas em diversas bases de dados. Resultados: Descreve os diversos entendimentos acerca de responsabilidade social e apresenta os contornos que esse conceito foi tomando no âmbito da Biblioteconomia do início do século XX aos dias atuais. Conclusões: O conceito de responsabilidade social possui potencialidades para elaborar currículos de Biblioteconomia transformadores da realidade dos educandos, dos educadores e da comunidade na qual esse curso está inserido.


Palavras-chave


Biblioteconomia. Responsabilidade Social. Ensino de Biblioteconomia.

Texto completo:

PDF

Referências


ABBAGNANO, Nicola. Dicionário de Filosofia. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

ADICHIE, Chimamanda Ngozi. O perigo de uma história única. Tradução de Julia Romeu. São Paulo: Companhia das Letras, 2019.

ASHLEY, Patricia Almeida (Coord.). Ética e responsabilidade social nos negócios. 2. Ed. São Paulo: Saraiva, 2000. (Troféu Cultura Econômica). 300p.

BABA, Sofiane; MOUSTAQUIM, Rachid; BÉGIN, Éric. Responsabilité sociale des entreprises: un regard historique à travers les classiques en management stratégique. Vertigo: la révue eléctronique en sciences de l’environnement, Móntreal, v. 16, n. 2, sept. 2016. Disponível em: http://journals.openedition.org/vertigo1771>. Acesso em: 26 dez. 2018.

BARRETTO, Vicente de Paulo. Perspectivas éticas da responsabilidade jurídica. Quaestio Iuris, Rio de Janeiro, v. 6, n. 2, p. 257-278, 2013. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/quaestioiuris/article/view/ 11779. Acesso em: 05 dez. 2019.

BAUMAN, Zygmunt. A riqueza de poucos beneficia a todos nós? Tradução de Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Zahar, 2015.

BINGEMER, Maria Clara Lucchetti Bingemer. Apresentação. In: JONAS, Hans. O princípio da responsabilidade: ensaio de uma ética para a civilização tecnológica. Tradução do original alemão por Marijane Lisboa e Luiz Barros Montez. Rio de Janeiro: Contraponto; PUC-Rio, 2006. p. 17-19.

BOAZ, Martha. The first responsibility. American Libraries, Chicago, v. 2, n. 10, p. 1035, nov., 1971. Disponível em: http://jstor.org/stable/25618494. Acesso em: 13 mar. 2020.

BOCQUET, Martine. Les fondements de la responsabilité sociétale des entreprises et sa communication. Communication & Organisation, Bordeaux, n. 46, p. 145-162, 2014. Disponível em: http://journals.openedition.org/communicationorganization/4768. Acesso em: 27 dez. 2018.

BOWEN, Howard R. Social responsibilities of the businessman. New York: Harper & Row, 1953.

BRIGHAM, Johnson et al. National Association of State Libraries. Bulletin of the American Library Association, Chicago, v. 2, n. 5, p. 260-304, 1908.

CASTELLS, Manuel. Fim do milênio. Tradução de Klauss Brandini Gerhardt e Roneide Venancio Majer. São Paulo: Paz e Terra, 1999. (A era da informação: economia, sociedade e cultura; v. 3).

CURLEY, A. Social responsibilities and libraries. In: VOIGHT, M. J. (Ed.). Advances in Librarianship. New York: Academic Press, 1974. v. 4, p. 77-90.

DEJOHN, Bill. Social responsibilities: what it’s all about. American Libraries, Chicago, v. 2, n. 3, p. 300-302, mar. 1971. Disponível em: http://www.jstor.org/stable/25618230. Acesso em: 20 jan. 2020.

ESDAILE, Arundell James Kennedy. The social responsibility of the modern library. Bulletin of the American Library Association, Chicago, v. 27, n. 13, p. 572-576, dec. 1933. Disponível em: http://www.jstor.org/stable/25688031. Acesso em: 22 jan. 2020.

JONAS, Hans. O princípio da responsabilidade: ensaio de uma ética para a civilização tecnológica. Tradução do original alemão por Marijane Lisboa e Luiz Barros Montez. Rio de Janeiro: Contraponto; PUC-Rio, 2006.

KENNEDY, Ana Clark et al. School Libraries Section. ALA Bulletin, Chicago, v. 34, n. 7, p. 178-188, Aug. 1940. Disponível em: http://www.jstor.org/stable/25690517. Acesso em: 22 jan. 2020.

LE GOFF, Joan. La doctrine de la RSE est-elle socialement responsable? ESKA: Revue internationale de psychosociologie et de gestion des comportements organisationnels, Nancy, v. XVI, n. 38, p. 275-291, 2010. Disponível em: https://www.cairn.info/revue-internationale-de-psychosociologie-2010-38-page-275.htm. Acesso em: 20 jan. 2020.

MORAES, Marielle Barros de. Responsabilidade Social Bibliotecária: em busca da história e do delineamento do conceito para repensar os currículos. In: ENCUENTRO DE LA ASOCIACIÓN DE EDUCACIÓN E INVESTIGACIÓN EN CIENCIA DE LA INFORMACIÓN DE IBEROAMÉRICA Y EL CARIBE, 11., 2018, Medellín. Actas..., Medellín, 2018. Disponible en: http://enancib.marilia.unesp.br/index.php/EDICIC_2018/EDICIC_2018/paper/viewFile/1710/1943. Acesado en: 10 fev. 2020.

MORRONE, Melissa; FRIEDMAN, Lia. Radical Reference: socially responsible Librarianship with Community. The Reference Librarian, v. 50, n. 4, p. 371-396, 2009. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1080. Acesso em: 10 fev. 2020.

RABER, Douglas. ACONDA and ANACONDA: social change, social responsibility and librarianship. Library Trends, Maryland, v. 55, n. 3, p. 675-697, winter, 2007. Disponível em: . Acesso em: 10 jan. 2020.

RACELIS, Aliza. Library services for the poor: theoretical framework for Library Social Responsibility. Pedagogical Research, Derbyshire, v. 3, n. 6, p. 1-9, 2018. Disponível em: http://abre.ai/av6J. Acesso em 10 mar. 2020.

RAYMOND, Boris. Aconda and anaconda revisited: a retrospective glance at the sounds of fury of the sixties. Journal of Library History, Texas, v. 14, n. 3, p. 349-362, summer, 1979. Disponível em: www.jstor.org/stable/25540988. Acesso em: 22 jan. 2020.

SAMEK, Toni. The Library Bill of Rights in the 1960s: one profession, one ethic. Library Trends, Maryland, v. 45, n. 1, p. 50-60, Summer, 1996.

TENÓRIO, Fernando Guilherme (Org.). Responsabilidade social empresarial: teoria e prática. 2. ed. rev. ampl. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

TORRES, Arturo T. The social responsibility movement among Law Librarians: the debate revisited. Law Library Journal, Chicago, v. 78, n. 405, p. 405-424, 1986. Disponível em: https://ttu-ir.tdl.org/bitstream/handle/10601/ 2041/The%20Social%20Responsibility%20 Movement.pdf?sequence=3. Acesso em: 12 jan. 2020.

TUCKER, John Mark. Intellectual freedom and social responsibility in American Librarianship, 1967-1974 (review). Libraries and the academy, Maryland, v. 2, n. 4, p. 671-673, oct. 2002. Disponível em:http://muse.jhu.edu./aticle/27277. Acesso em: 20 jan. 2020.

TYLER, Alice Sarah. President’s adress: some aspects of library progress. Bulletin of the American Library Association, Chicago, v. 15, n. 4, p. 95-100, july, 1921. Disponível em: http://www.jstor.org/stable/25685914. Acesso em: 20 jan. 2020.

______. Education for librarianship: as it is anss as might be. Bulletin of the American Library Association, Chicago, n. 46, p. 161-166, august, 1924. Disponível em: http://www.jstor.org/stable/25686294. Acesso em: 20 jan. 2020.

WARSCHAUER, Mark. Tecnologia e inclusão social: A exclusão digital em debate. São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2021v26n1p112

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional