Conceito de bibliografia, ou conceitos de bibliografia?

Marilda Lopes Ginez de Lara

Resumo


Introdução: Bibliografia é um termo polissêmico que nomeia produtos, atividades e campo disciplinar. Suas inúmeras facetas não conduzem necessariamente a um conceito único e consensual.  Objetivos: Procuramos discutir o conceito de bibliografia examinando as origens do trabalho bibliográfico, as relações entre o termo, o conceito e suas definições ao longo do tempo, sua tipologia e função de mediação, e as reflexões sobre a constituição de um campo disciplinar autônomo.  Metodologia: Tem como base o levantamento bibliográfico, a comparação das reflexões e a tentativa de construir uma breve sistematização.  Resultados: Embora exista variação denominativa e conceitual, há relativo consenso sobre o conceito de bibliografia cujo significado nuclear gira em torno dos repertórios de livros e, mais recentemente, de documentos em geral. São enfatizados aspectos técnicos das práticas bibliotecárias, como também livreiras, aspectos comunicacionais, socioculturais e historiográficos. Algumas propostas de reivindicação da autonomia do campo argumentam a favor bibliografia como disciplina matriz a partir da qual se organizam outras disciplinas correlatas.  Conclusões: A bibliografia é um mecanismo especial de memória secundária cujo princípio básico se mantém apesar das tecnologias. Caracteriza-se pela produção de listas organizadas sob diferentes arranjos e pela proposta de metodologias de descrição. A emergência de um modelo pós-moderno de ciência coloca em questão a propriedade da demanda de um campo autônomo quando se prioriza o enfoque de universos temáticos à luz de óticas inter e transdisciplinares.


Palavras-chave


Bibliografia; Conceito de Bibliografia; História da Bibliografia; Ciência da Informação

Texto completo:

PDF

Referências


ARAUJO, A. V. F. Pioneirismo bibliográfico em um polímeta do séc. XVI: Conrad Gesner. Informação & informação, Londrina, v. 20, n. 2, p. 118-142, maio/ago. 2015. Disponível em:

ARAÚJO, D. M. P.; REIS, A. S. Bibliotecas, Biblofilia e Bibliografia: alguns apontamentos. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, Ribeirão Preto, v. 7, n. especial, p. 183-201, ago. 2016. Disponível em: .

BALSAMO, L. La bibliografía: historia de una tradición. Gijón: Trea, 1998.

BOODSON, K. Subject bibliographies in information work. The Indexer, v. 10, n. 1, p. 15-23, abr. 1976.

BOUSTANY, J. Bibliologie, bibliométrie et bibliographie. 2007. Disponível em: .

BRIET, S. Qu’est-ce que sais la documentation? Paris: Édit - Editions Documentaires, Industrielles et Techniques, 1951.

CAPACCIONI, A. La bibliografia: materiali per um esame comparato dei termini fondamentali. 2014. Disponível em:

_______. Mapas y memorias: apostillas a una historia de la Bibliografia. Documentación de las Ciencias de la Información, Madrid, v. 29, p. 09-24, 2006.

COUZINET, V. Fabrique de la liste: dispositif entre mémoire et commémoration. In: Jornada Científica Internacional Redes e Processos Info-Comunicacionais: mediações, memórias, apropriações (REDE MUSSI), 2, Rio de Janeiro, 2012. Anais... Rio de Janeiro: Rede Mussi, 2012. p. 132-149.

CRIPPA, G. A arte da bibliografia: uma pequena introdução. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 7, n. especial, p. 03-06, ago. 2016.

GARCÍA GUTIÉRREZ, A. Pensar la transcultura. Madrid: Plaza y Valdés, 2011. p. 07-57.

HJORLAND, B. Bibliography. 2007. Disponível em: . Acesso em 12 ago.2015.

MCKENZIE, Donald. F. Bibliography and the sociology of texts. Cambridge: Cambridge University Press, 1999.

ORTEGA, C. D. O papel da bibliografia na construção do conhecimento em Ciência da Informação: o caso da Escola de Ciência da Informação da UFMG. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 22, n. especial, p. 36-64, jul. 2017.

_______. O conceito de documento em abordagem bibliográfica segundo as disciplinas do campo. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 7, n. especial, p. 41-64, ago. 2016.

PENSATO, R. Curso de bibliografia. Gijón: Trea, 1994.

RANGANATHAN, S. R. Colon classification. 6. ed. Bangalore: EES EES Publ., 2006.

SANTOS, B. S. Um discurso sobre as ciências na transição para uma ciência pós-moderna. Estudos avançados, São Paulo, v. 2, n. 3, maio/ago. 1988.

_______. Um discurso sobre as ciências. 16. ed. Porto: Afrontamento, 2010.

SERRAI, A. Brevissima introduzione ad uso dei neofiti (ma non solo) dei concetti chiave della bibliografia. Bibliotheca: Revista Di Studi Bibliografici, v. 4, n. 1, p. 313-320, 2005.

ZAHER, C. R.; GOMES, H. E. Da Bibliografia à Ciência da Informação: uma história e uma posição. Ciência da informação, v. 1, n. 1, p. 05-07, 1972.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2018v23n2p127

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional