Aplicação da triangulação de métodos para avaliação da usabilidade em ambientes informacionais digitais especializados: um estudo no Portal CoDAF

Silvana Aparecida Borsetti Gregorio Vidotti, Fábio Mosso Moreira, Jacquelin Teresa Camperos Reyes, Cecílio Merlotti Rodas, Ricardo César Gonçalves Sant'Ana

Resumo


Introdução: A Arquitetura da Informação e os estudos de usabilidade podem fornecer subsídios teóricos e práticos para embasar o desenvolvimento de ambientes informacionais digitais que publicam conteúdo para segmentos específicos, sendo a Agricultura Familiar um segmento que pode se beneficiar com o compartilhamento de conteúdo especializado. O Portal CoDAF é um ambiente informacional digital que disponibiliza conteúdos relacionados à agricultura, e que pode atender necessidades informacionais de pequenos produtores, possíveis consumidores, e demais agentes da sociedade que buscam por informações sobre a Agricultura Familiar, resultando em um público-alvo com características heterogêneas. Levanta-se a questão sobre como está organizada a arquitetura informacional de um ambiente especializado na disponibilização de conteúdos de e para pequenos produtores, e de que forma pode ser realizado um diagnóstico de usabilidade para verificar sua efetividade. Objetivo: Demonstrar a aplicação e combinação de métodos de avaliação da usabilidade a fim de verificar a qualidade de interação e aderência do conteúdo do Portal CoDAF. Metodologia: Triangulação de três procedimentos para avaliação da usabilidade: avaliação heurística, medida de desempenho por meio da técnica Eye Tracking e questionários. Resultados: Apresentam-se os tópicos identificados na execução de cada procedimento para análise da usabilidade, destacando as contribuições ao serem utilizados de forma combinada. Conclusão: Destaca-se a importância da triangulação entre procedimentos para avaliar a usabilidade, e a contribuição com a Ciência da Informação uma vez que demonstrou, de forma prática, a aplicação de teorias provindas da Arquitetura da Informação, subsidiando pesquisas que envolvam avaliação em ambientes informacionais digitais especializados.


Palavras-chave


Ambiente Informacional; Arquitetura da Informação; Usabilidade; Portal CoDAF; Eye Tracking

Texto completo:

PDF

Referências


BADRE, A. N. Shaping web usability: interaction design in context. Boston: Pearson Education, 2002.

BEVAN, N. Usability is Quality of Use. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON HUMAM COMPUTER INTERACTION, 6, 1995, Yokohoma. Anais...Yokohoma: Elsevier, 1995.

BOJKO, A. Eye Tracking the User Experience: A Practical Guide to Research. New York: Rosenfeld Media, 2013.

______. Eye tracking in user experience testing: How to make the most of it. In: PROCEEDINGS OF THE USABILITY PROFESSIONALS ASSOCIATION UPA CONFERENCE, 2005, Quebec. 2005.

BORKO, H. Information Science: What is it? American Documentation, v. 19, n. 1, 1968.

DENZIN, N. K. The Research Act. Englewood Cliffs: Prentice Hall, 1989.

GOLDBERG, J. H.; KOTVAL, X. P. Computer interface evaluation using eye movements: methods and constructs. International Journal of Industrial Ergonomics, v. 24, n. 6, p. 631-645, 1999.

JUST, M. A.; CARPENTER, P. A. Eye fixations and cognitive processes. Cognitive Psychology, v. 8, p. 441-480, 1976.

KLEIN A. I.; BULLA, J. P. Eye-Tracking e linguística: aplicações e interfaces. Eletrônica: Revista Digital do PPGL, v. 3, n. 2, p. 235-249, 2010.

LUEGI, P.; COSTA, A.; FARIA, I. H. Analisando os comportamentos oculares durante a leitura. Revista Lingüística, v .5, n. 1, p. 62-80, 2010.

MOREIRA, F. M. et al. Acesso às informações sobre Agricultura Familiar na Web. In: SEMINÁRIO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO (SECIN), 6, 2016. Anais...Londrina: UEL, 2016.

NIELSEN, J. Usability Engineering. New Jersey: Academic Press, 1993.

NIELSEN, J. Why You Only Need to Test with 5 Users. 2000. Disponível em: . Acesso em: 4 set. 2016.

NIELSEN, J.; LORANGER, H. Usabilidade na web. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007.

PERNICE, K.; NIELSEN, J. How to conduct eyetracking studies. Fremont: Nielsen Norman Group, 2009. Disponível em: . Acesso em: 30 ago. 2016.

POOL, A.; BALL, L. J. Eye Tracking in Human-Computer Interaction and Usability Research: Current Status and Future, v. 780, 2005.

RESMINI, A.; ROSATI, L. Pervasive Information Architecture: Designing Cross-Chanel User Experiences. Burlington: Elsevier, 2011.

RODAS, C. M.; MARCOS, M. C.; VIDOTTI, S. A. B. G. Tecnologia de Eye Tracking em user experience. In: Encontro Nacional de Gestão, Políticas e Tecnologia de Informação (ENGI), 2014, Goiânia. Anais eletrônicos... Goiás: UFG, 2014. p. 1-8. Disponível em: . Acesso em: 06 jan. 2017.

RODAS, C. M.; VIDOTTI, S. A. B. G. Eye Tracking em interface do google: a influência do elemento "Rich Snippet". In: Seminário em Ciência da Informação (SECIN), 6, 2016, Londrina. Anais eletrônicos... Londrina: UEL, 2016. Disponível em: . Acesso em: 31 ago. 2016.

ROSENFELD, L.; MORVILLE, P.; ARANGO, J. Information Architecture: For the Web and Beyond. 4. ed. Sebastopol/CA: O’Reilly, 2015, 485 p.

TEIXEIRA, T. M. C.; VALENTIM, M. L. P. Estratégias para disseminação do Conhecimento Organizacional: o papel da arquitetura da informação. Informação&Informação, v. 17, n. 3, p. 165-180, 2012.

TROIAN, A.; KLEIN, A. L.; DALCIN, D. Relato de caso: novidades e inovações na Agricultura Familiar: debates e discussões da produção de tecnologias. Revista Brasileira de Agropecuária Sustentável, Viçosa, v. 1, n. 1, p. 6-17, 2011.

VECHIATO, F. L.; VIDOTTI, S. A. B. G. Usabilidade em ambientes informacionais digitais: fundamentos e avaliação. In: Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas (BAD), 11, 2012, Lisboa. Anais... Lisboa: Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas, 2012.

______. Encontrabilidade da informação: atributos e recomendações para ambientes informacionais digitais. Informação & Tecnologia (ITEC), v. 1, 2014.

VIDOTTI, S. A. B. G.; CUSIN, C. A.; CORRADI, J. A. M. Acessibilidade digital sob o prisma da Arquitetura da Informação. In: GUIMARÃES, J. A. C.; FUJITA M. S. L. Ensino e pesquisa em Biblioteconomia no Brasil: a emergência de um novo olhar. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2008.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2018v23n3p586

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional