Cem anos: livro escolar de História do Brasil (1808-1908)

Maria Inês Sucupira Stamatto

Resumo


Neste artigo entende-se livro escolar no sentido do livro que aporta conhecimento, no caso, de natureza histórica, destinado ao público infanto-juvenil e utilizado em situação de ensino. Buscou-se identificar as transformações deste material entre 1808 e 1908, assinalando concepções históricas, pedagógicas e gráficas do período em questão. Na pesquisa, como fontes históricas, foram analisados livros publicados na época, que continham a História do Brasil para as creanças e a mocidade vislumbrando-se o que alunos e professores dispunham para ensinar e aprender o Brasil. Perceberam-se modificações lentas ao longo desses anos, mas que já demonstravam a introdução de novas formas de pensar a educação.

Palavras-chave


Livro Escolar; História do Brasil; Ensino de História

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, Márcia. Criação da impressão régia – 13 de maio de 1808. In: BITTENCOURT, Circe (org.). Dicionário de datas da história do Brasil. São Paulo: Contexto, 2007.

ALVES, Gilberto Luiz da; CENTENO, Carla Villamaina. A produção de manuais didáticos de história do Brasil: remontando ao século XIX e início do século XX. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 14, n. 42, set./dez. 2009.

ANDREOTTI, Azilde. Acervo histórico do livro escolar – AHLE. São Paulo, 2017. Disponível em: http://acervohistoricodolivroescolar.blogspot.com/. Acesso em: 5 jul. 2018.

ARAUJO, José Paulo de Figueiroa Nabuco. Compendio scientifico para a mocidade brasileira: destinado ao uso das escolas dos dous sexos; ornado de nove estampas accomodadas às artes, e sciencias de que nelle se trata, tiradas por litographia; offerecido à briosa, e heroica nação brasileira por Hum cidadão agradecido. Rio de Janeiro: Na Typ. de P. Plancher-Seignot, 1827.

AULETE, Caldas. Diccionario contemporaneo da lingua portugueza. Lisboa: Imprensa Nacional, 1881.

BELLEGARDE, Henrique Luiz de Niemeyer. Resumo da história do Brasil. Rio de Janeiro: Typ. de Gueffier e C., 1831.

CABRAL, Mário da Veiga. Compendio de chorographia do Brasil. 16. ed. Rio de Janeiro: Jacintho Ribeiro dos Santos Editor, 1930.

CORUJA, Antonio Alvares Pereira. Lições de história do Brasil: adaptadas à leitura das escolas. Rio de Janeiro: Typ. Do Figaro, de Aguiar & Velloso, 1877.

D?ALBUQUERQUE, Salvador Henrique. Resumo da história do Brasil. Pernambuco [Recife]: Typ. Imparcial, por S. Caminha, 1848.

DEAECTO, Marisa Midoro. O Império dos livros e práticas de leitura na São Paulo oitocentista. São Paulo: Editora da USP: Fapesp, 2011.

FERRAZ, Luiz Pedreira do Coutto. Decreto nº 1331-A, de 17 de fevereiro de 1854. Approva o Regulamento para a reforma do ensino primario e secundario do Municipio da Côrte. Rio de Janeiro, 1854. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/99971/1854 _.Decreto_n.1331_Reforma_Couto_Ferraz.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 5 fev. 2019.

FIQUER, Beatriz Teixeira. Livros e bibliotecas brasileiras: dos padres jesuítas à vinda da família real ao Brasil. Disponível em https://coletaneacaele.files.wordpress.com/2012/11/livros-e-bibliotecasbrasileiras-dos-padres-jesuitas-a-vinda-da-familia-real-ao-brasil.pdf>. Acesso em: 9 fev. 2019.

FREITAS, Marcos Cezar de. Historiografia brasileira em perspectiva. São Paulo: Contexto, 2003.

GALANTI, Raphael M. Lições de história do Brazil. São Paulo: Typographia da Industrial de São Paulo, 1895.

GAUTIER, Clermont; TARDIF, Maurice. A pedagogia, teorias e práticas da antiguidade aos nossos dias. Petrópolis: Vozes, 2010.

GUIMARÃES, Manoel Luiz Salgado. Historiografia e nação no Brasil, 1838- 1857. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2011.

IGLÉSIAS, Francisco. Historiadores do Brasil: capítulos de historiografia brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira; Belo Horizonte: UFMG: IPEA, 2000.

LIMA, José Inácio de Abreu. Compendio da história do Brasil. Rio de Janeiro: Eduardo & Henrique Laemmert, 1843.

LISBOA, José Maria. Lições da história pátria: (pelo Dr. Americo Brasiliense). São Paulo: Typ. Da Provincia, 1876.

LOURENÇO FILHO, M. B. Introdução ao estudo da escola nova: bases, sistemas e diretrizes da pedagogia contemporânea. 14. ed. Rio de Janeiro: EdUERJ: Conselho Federal de Psicologia, 2002.

MACEDO, Joaquim Manuel de. Lições de história do Brazil: para uzo dos alumnos do Imperial Collegio de Pedro Segundo. Rio de Janeiro: Typ. Imparcial, de J. M. N. Garcia, 1861.

MACEDO, Joaquim Manuel. Lições de história do Brasil: para uso das escolas de instrução primaria. Rio de Janeiro: Livraria Garnier, 1905. Disponível em: www.dominiopublico.gov.br/download/texto/ub000046.pdf. Acesso em: 5 out. 2018.

MAIA, Luis de Queiros Mattoso. Lições de história do Brazil. Rio de Janeiro: Dias da Silva Junior Typographo-Editor, 1880. MAIA, Luis de Queiros Mattoso. Lições de história do Brazil. Rio de Janeiro: Garnier Editor, 1891. Disponível em: https://pt.scribd.com/document/363671024/Licoes-de-Historia-Do-BrazilLuis-de-Queiros-Mattoso-Maia. Acesso em: 5 fev. 2019.

MENEZES, Estacio de Sá. História do Brasil, contada aos meninos. 3. ed. Rio de Janeiro: B. L. Garnier, Livreiro-Editor, 1880. MORANDI, Franc. Modelos e métodos em pedagogia. Bauru: EDUSC, 2002. MOREIRA, Kênia Hilda. Autores e editores de livros didáticos do Brasil. Educação e Fronteiras, Dourados, v. 3, n. 6, jul./dez. 2010.

NEVES, Lucia Maria Bastos Pereira. Ler, contar e escrever: educação e livros no Rio de Janeiro Joanino (1808-1821). História: questões & debates, Curitiba, n. 60, jan./jun. 2014.

OLIVEIRA-FORMOSINHO, Júlia; KISHIMORO, Tizuko; PINAZZA, Mônica. (org.). Pedagogia (s) da infância: dialogando com o passado, construindo o futuro. Porto Alegre: Artmed, 2007.

ORLANDO, Evelyn de Almeida. Os manuais de catecismo como fontes para a história da educação. Roteiro, Joaçaba, p. 67-88, 2013. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/descarga/articulo/6190590.pdf. Acesso em: 9 fev. 2019.

PARADA, Maurício; RODRIGUES, Henrique Estrada (org.). Os historiadores clássicos da história do Brasil, dos primeiros relatos a José Honório Rodrigues. Petrópolis, RJ: Vozes; Rio de Janeiro: Editora PUC, 2018. v. 4.

PFROMM NETO, Samuel; ROSAMILHA, Nélson; DIB, Cláudio Zaki. O livro na educação. Rio de Janeiro: PRIMOR/ MEC, 1974. PINHEIRO, Joaquim Caetano Fernandes. Episodios da historia Patria: contados á infância. Rio de Janeiro: B. L. Garnier, Livreiro-Editor, 1860.

PINHEIRO, José Pedro Xavier. Epitome da história do Brasil desde o seu descobrimento até 1857: adaptado para uso das aulas públicas de ensino primário. 2. ed. Rio de Janeiro: Typographia Universal de Laemmert, 1860.

REIS, José Carlos. As identidades do Brasil, de Varnhagen a FHC. 9. ed. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2007.

RODRIGUES, José Honório. História e historiografia. Petrópolis: Vozes, 2008.

ROSA, Ferreira. Excursões escolares, ou, narrativas infantis historicotopographicas da cidade do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Livraria de J. G. de Azevedo & C. Editores, 1898.

SANTOS, Beatriz Boclin Marques dos Santos. Currículo da disciplina história no Colégio Pedro II – Império. Cadernos de História da Educação, Uberlândia, v. 14, n. 1, jan./abr. 2015.

SANTOS, Beatriz Boclin Marques. Os livros didáticos de história no ensino de história do Colégio Pedro II no Império (1837-1870). In: SEMINÁRIO BRASILEIRO LIVRO E HISTÓRIA EDITORIAL, 2., 2009, Niterói. Anais [...]. Niterói: Universidade Federal Fluminense, 2009. Disponível em: http://www.livroehistoriaeditorial.pro.br/ii_pdf/Beatriz_Boclin_M_Santos.pdf . Acesso em: 5 fev. 2019.

SCHWARCZ, Lilia Moritz. A longa viagem da Biblioteca dos Reis. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.

SILVA, Jeane Medeiros. A bibliografia didática de geografia: história e pensamento geográfico no Brasil (1814-1930). 2012. 394 f. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.

VARELLA, Flávia Florentino. Primeiros relatos. In: PARADA, Maurício; RODRIGUES, Henrique Estrada (org.). Os historiadores clássicos da história do Brasil, dos primeiros relatos a José Honório Rodrigues. Petrópolis, RJ: Vozes; Rio de Janeiro: Editora PUC, 2018. v. 4, p. 9-46.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2019v25n1p13

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br