Um estudo sobre intelecto, livre arbítrio e virtudes no campo da História da Educação Medieval

Terezinha Oliveira, Ana Paula dos Santos Viana

Resumo


Apresentamos um estudo, no âmbito da História da Educação no medievo, sobre intelecto, livre arbítrio e virtudes, tendo como fonte a obra De sacramentis christianae fidei, de Hugo de Saint-Victor (1096-1141), um mestre medieval da Escola da Abadia de Saint-Victor, em Paris, no século XII. O objetivo é refletir sobre a importância desses aspectos para a formação humana, na perspectiva vitorina, em consonância com os acontecimentos históricos do período em tela. Essa relação é pertinente por compreendermos que os processos educativos estão vinculados à sua época. E que podem permitir, na perspectiva de Bloch (2001), que reflitamos, temporalmente, como educadores e pesquisadores sobre nossas ações e responsabilidades.

Palavras-chave


Conceitos; Formação humana; De sacramentis; Hugo de Saint-Victor

Texto completo:

PDF

Referências


BLOCH, Marc. Apologia da história, ou, O ofício de historiador. Rio de Janeiro: Zahar, 2001.

GUIZOT, François. Historia da civilisação na Europa. Lisboa: Parceria Antonio Maria Pereira Livraria Editora e officinas Typographica e de encadernação, 1907.

GUIZOT, François. Sétima lição. In: MENDES, C. M. M.; OLIVEIRA, T. Formação do terceiro estado: coletânea de textos de François Guizot, Augustin Thierry, Prosper Barante. Maringá: EDUEM, 2005.

KNOWLES, David; OBOLENSKY, Dimitri. Nova história da igreja: a idade média. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 1974.

LE GOFF, Jacques. As raízes medievais da Europa. Petrópolis: Vozes, 2007. LE GOFF, Jacques. O apogeu da cidade medieval. São Paulo: Martins Fontes, 1992.

MARCHIONNI, Antonio. Introdução. In: HUGO DE SAINT-VICTOR. Didascálion: da arte de ler. Petrópolis: Vozes, 2001.

OLIVEIRA, Terezinha. Apogeu e crise de uma época: as universidades medievais. Educare Et Educare – Revista de Educação, Cascavel, v. 1, p. 25-36, 2006. Disponível em: http://erevista.unioeste.br/index.php/educereeteducare/article/view/999/851. Acesso em: 18 abr. 2018.

OLIVEIRA, Terezinha. Universidade, liberdade e política na comuna medieval: um estudo de cartas oficiais. História [online]. 2009, v. 28, n. 2, p. 715-732. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0101- 90742009000200025. Acesso em: 20 abr. 2018.

PIRENNE, Henri. As cidades da Idade Média. Lisboa: Europa-América, 1989.

POIREL, Dominique. Ugo Di San Vittore: storia, scienza, contemplazione. Millano: Jaca Book, 1997. Disponível em: https://bityli.com/PjUKx. Acesso em: 17 abr. 2018.

STREFLING, Sergio Ricardo. Igreja e poder: plenitude e soberania popular em Marsílio de Pádua. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2002. Disponível em: https://bityli.com/b6pxD. Acesso em: 17 abr. 2018.

THIERRY, Augustin. Carta XIII. Sobre a libertação das comunas. IN: MENDES, C. M. M.; OLIVEIRA, T. Formação do terceiro estado: coletânea de textos de François Guizot, Augustin Thierry, Prosper Barante. Maringá: EDUEM, 2005.

VERGER, Jacques. Cultura, ensino e sociedade no ocidente nos séculos XII e XIII. Bauru, SP: EDUSC, 2001.

VICTORE, Hugonis de S. De sacramentis fidei christianae. In: MIGNE, Jacques-Paul. Patrologia Latina. Parisiis,1880. Tomo 176. Disponível em: https://bityli.com/fGPT2. Acesso em: 17 abr. 2018.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2019v25n1p391

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br