Formar-se professor, refletir sobre a prática: algumas questões sobre estágio supervisionado em história

Geni Rosa Duarte

Resumo


 Este artigo tem por objetivo problematizar algumas questões relativas ao processo de formação de professores de História em cursos de graduação a partir da realização do Estágio Supervisionado. Analisa algumas das soluções apresentadas pelos graduandos em História da UNIOESTE durante a realização das atividades do Estágio Supervisionado em escolas públicas do município de Marechal Cândido Rondon, PR, retomando os objetivos propostos por eles no Plano de Estágio.

 


Palavras-chave


Formação de professores; Estágio Supervisionado; Ensino de história

Texto completo:

PDF

Referências


CAIMI, F. Por que os alunos (não) aprendem História? Reflexões sobre ensino, aprendizagem e formação de professores de História. Tempo, UFF, v. 11 p.27- 42.

CAMARGO, D. M. P.; ZAMBONI, E.; GALZERANI, M. C. B. Sabor e Dissabores do Ensino de História. Revista Brasileira de História. São Paulo, v. 9 n. 19, set.89/fev.90

CHESNEAUX, J. Devemos fazer tábula rasa do passado? Sobre a história e os historiadores. São Paulo: Ed. Ática, 1995.

FUNARI, P. P. A renovação da história antiga. In: KARNAL, L. (Org.) História na sala de aula: conceitos, práticas e propostas. São Paulo: Contexto, 2005.

KHOURY, Y. A. Muitas memórias, outras histórias: cultura e o sujeito na história. In: FENELON, D. R. e. all. (Org.). Muitas memórias, outras história. São Paulo: Olho D’Água, 2000.

MONTEIRO, A. M. F. C. O lugar da Prática de Ensino na formação do professor: um espaço de socialização profissional, III Encontro Perspectivas do Ensino de História. Curitiba: Aos Quatro Ventos, 1999.

RAMOS, M. T.; CAINELLI, M. R. A formação de professores e o estágio supervisionado na licenciatura em história: uma experiência na Universidade Estadual de Londrina. In: CAINELLI, M. R.; SILVA, I. F. (|Org.). O Estágio na Licenciatura: a formação de professores e a experiência interdisciplinar na Universidade Estadual de Londrina. Londrina: UEL, 2009

RANZI, S. M. F. O lugar da Prática de Ensino na produção do saber escolar. III Encontro Perspectivas do Ensino de História. Curitiba: Aos Quatro Ventos, 1999.

ROCHA, H. Sem bagagem não se ensina e nem se aprende história. In: SILVA, C. B.; ZAMBONI, E. Ensino de História, memória e culturas. Curitiba, CRV, 2013.

SILVA, M. A. da. A vida e o cemitério dos vivos. In: SILVA, M. Repensando a história. São Paulo. ANPUH/Marco Zero, 1984.

SILVA, M. A. da História: o prazer em ensino e pesquisa. São Paulo: Brasiliense, 1995.

VILLALTA, L. C. Dilemas da relação teoria e prática na formação do professor de História: alternativas em perspectiva. Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 13 n. 25/26, set.92/ago.93




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2014v20n1p35

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br