Estratégias de ensino da história e dos Estudos Sociais no 1º Ciclo do Ensino Básico

Gonçalo Marques, Ana Barroso, Ana Carolina Pereira, Carla Joana Matos, Filipa Machado, Marlene Pereira

Resumo


Tendo em vista a transversalidade e interdisciplinaridade de que se reveste a área disciplinar curricular de Estudo do Meio Social no 1º Ciclo do Ensino Básico, o presente estudo procura ter como sua âncora a apresentação de um diverso conjunto de resultados de investigações desenvolvidas em Centros Escolares do concelho de Viana do Castelo (Portugal) no quadro das actividades pedagógicas das mestrandas em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico da Escola Superior de Educação de Viana do Castelo. Procurando ter na História Local e nos Estudos Sociais a sua referência mais identificativa, as várias temáticas apresentadas neste projecto constituem-se como eixos reflexivos não apenas da Didáctica dos Estudos Sociais, mas também como uma Pedagogia Social progressiva e que visa a transformação educativa e a aproximação dos agentes escolares.


Palavras-chave


Estudos Sociais. Educação Histórica. 1º Ciclo do Ensino Básico.

Texto completo:

PDF

Referências


ARENDS, R. I. Aprender a ensinar. Lisboa: McGraw-Hill. ALMEIDA, C. A. F. Património – Riegl e hoje. Revista de história da Faculdade de letras da Universidade do Porto. 1993.1995. Acedido em 9 de abril, 2013, de http://repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/7866/2/2249.pdf

BARCA, I.; SOLÉ, G. Educación histórica en Portugal: metas de aprendizaje en los primeros años de escolaridad. Revista Electrónica Interuniversitaria de Formación del Profesorado, v. 1, n. 15, p. 91-100, 2012. Disponível em: http://www.aufop.com/aufop/uploaded_files/articulos/1335399016.pdf.

CACHADINHA, M., CARMO, H.: FERREIRA, M. M. Envelhecimento, educação e autonomia – Investigação sobre um grupo de seniores na área urbana de Viana do Castelo. VII Congresso Português de Sociologia. 2012. Disponível em: http://www.aps.pt/vii_congresso/papers/finais/PAP0347_ed.pdf. Acesso em 15 fev. 2013.

DURKHEIM, E. Sociologia, Educação e Moral. Porto: Rés. 1984.

FERREIRA, M. M. Educação Intercultural. Lisboa: Universidade Aberta. 2003.

MARQUES, Gonçalo. O Conhecimento Histórico na Construção Identitária e Social das primeiras idades. Atas do II Encontro de Sociologia da Educação. Educação, Territórios e (Des)igualdades. Lisboa: Associação Portuguesa de Sociologia, 2011, p. 197-213.

MARQUES, G. Ludus Maximus: aprendendo conteúdos históricos em ambientes informais na Educação de Infância. In CARVALHO, A. A. A.; PESSOA, T.; CRUZ, S.; MOURA, A.; MARQUES, C. G. (Org.). Jogos e Mobile Learning. Actas do Encontro. Coimbra: Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, 2012. p. 255-263.

NÓVOA, A. et al. Profissão professor. Porto: Porto Editora. 2 ed., 1995.

ROLDÃO, M. C. Os Professores e a Gestão do Currículo: perspetivas e práticas em análise. Porto: Porto Editora. 1999.

TEIXEIRA, M. O Professor e a escola. Perspectivas organizacionais. Lisboa: MacGraw-Hill. 1995.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2013v19n1p195

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br