Alfabetizar/ensinar história no peart

Regina Célia Alegro, Maria das Graças Fernandes

Resumo


Apresenta algumas considerações sobre a prática de alfabetização e ensino de História propostos no PEART.


Palavras-chave


Bóia-fria; Educação popular; Linguagem; Ensino de história; Peart.

Texto completo:

PDF

Referências


CASTORIADIS, C. A Instituição Imaginária da Sociedade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982.

COLOSSO, L. Bóia-jria da Silva. Dissertação de Mestrado. Assis: Unesp, 1990.

COVRE, M. L. M. (org.) A cidadania que não temos. São Paulo: Brasiliense, 1986

CPT. Os bóias-frias no Paraná. CPT: Londrina: mimeo. 1991

GROSSI, E P. Alfabetização em novas bases. Porto Alegre: Kuarup, 1989

GHERRE, M. Linguagem, Escrita e Poder. São Paulo: Martins Fontes, 1985

FREIRE, P.; MACEDO, D. Leitura da palavra -Ieihlra do mundo. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1990.

MONT ANO, C. E. Políticas Sociais para quem? Conceituação do popular. Serviço Social & Sociedade, São Paulo, v. 14, n. 45, , ago. 1994.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.1996v2n0p43

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br