O índio brasileiro no livro didático

Leandro Henrique Magalhães

Resumo


O presente artigo tem por objetivo entender como o índio brasileiro vem sendo tratado nos livros didáticos. Para tanto, o trabalho está dividido em três partes: na primeira, apresentaremos o modo como o índio foi visto pelos primeiros portugueses, na segunda como este nativo vem sendo pensado nas pesquisas mais recentes sobre o tema e por fim, o modo como o livro didático apresenta a questão, Com isso, pretenderemos apontar caminhos que possibilite uma maior compreensão acerca da diferença.


Palavras-chave


Livro didático; Índio; Alteridade.

Texto completo:

PDF

Referências


BEZERRA, H. G. O Processo de Avaliação de Livros Didáticos. In: NODARI, E.; PEDRO, J. M.; IOKOI, Z. M. G. História - Fronteiras: Anais do XX Simpósio Nacional de História. São Paulo: Humanitas/ ANPUH, 1999. p. 195 – 202.

BITTENCOURT, C. Livros didáticos entre textos e imagens. In: BITTENCOURT, C. (Org.). O Saber Histórico na Sala de Aula. São Paulo: Contexto, 1997.

BOSI, A. Dialética da Colonização. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.

CARVALHO, S. M. B.° Livro Didático e as Concepções Historiográficas: uma análise do ensino de história no 1º. e 2º. Graus. História e Cultura: V Encontro Regional de História. Ponta Grossa: UEPG, 1997. p. 325-331.

COLl, J. Primeira missa e invenção da América. In: NOVAES, A. (Org.). A descoberta do homem e do mundo: Brasil 500 anos - experiência e destino. São Paulo: Companhia das Letras/FUNARTE, 1998.

GATTI JR, D. Um Itinerário de Desigualdades: Livros Didáticos de História e Massificação do Ensino na Escola Brasileira (1960-1990). In: NODARI, E.; PEDRO, J.M.; IOKOI, Z. M. G. História - Fronteiras: Anais do XX Simpósio Nacional de História. São Paulo: Humanitas/ ANPUH, 1999. p. 213-223.

GREEN, V.H.H. Renascimento e Reforma Luterana. Lisboa: Dom Quixote, 1984.

GRUPIONI, L. D B. Livros didáticos e fontes de informações sobre as sociedades indígenas no Brasil. In: LOPES DA SILVA, A.; GRUPIONI, . D. B. A temática indígena na escola: novos subsídios para professores de 1 º e 2º graus. Brasília: MEC/MARI/ UNESO, 1995.

GINSBURG, C. O Inquisidor como antropólogo. Revista Brasileira de História: América Américas. Marco Zero, São Paulo, v. 11 n. 21, set/1990 - fev/1991.

LANCIANI, G. o Maravilhoso como critério de diferenciação entre sistemas culturais. Revista Brasileira de História. Marco Zero, São Paulo, v. 11 n. 21, set.90/fev.91.

LIMA E FONSECA, T. N. O Livro Didático de História: Lugar de Memória e Formador de Identidades. In: NODARI, E.; PEDRO, J. M.; IOKOI, Z. M. G. História - Fronteiras: Anais do XX Simpósio Nacional de História. São Paulo: Humanitasl ANPUH, 1999. p. 203-212.

MAGALHÃES, L. H. Olhares sobre a colônia: Vieira e os índios. Londrina: UEL, 1999.

MELLO E SOUZA, L. O diabo e a terra de Santa Cruz: feitiçaria e religiosidade popular no Brasil Colonial. São Paulo: Cia das Letras, 1986.

MICHELET, J. A feiticeira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1992

NOVINSKY, A. Cristãos Novos na Bahia: A Inquisição. São Paulo, Perspectiva, 1992.

O'GORMAN, E. A invenção da América. São Paulo: EDUNESP. 1992.

PÉCORA, A. O bom e o boçal ou o selvagem americano entre calvinistas franceses e católicos ibéricos. Remate de Males, Campinas, n. 12, p. 35 – 44, 1992.

RAMINELLI, R. Imagens da colonização. São Paulo I Rio de Janeiro: EDUSP/FAPESP/ZAHAR, 1996.

SARAIVA, A. J. Inquisição e cristãos-novos. Lisboa: Estampa, 1985

SIQUEIRA, S. A. A Inquisição portuguesa e a sociedade colonial. São Paulo: Ática, 1978.

SKINNER, Q. As fundações do pensamento político moderno. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.

TODOROV, T. A conquista da América: a questão do outro. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

VAINFAS, R. A heresia dos índios. Catolicismo e rebeldia no Brasil Colonial. São Paulo: Companhia das letras, 1995.

VIEIRA, Pe A. Sermão do Espírito Santo. In: Sermões. Lisboa: Lello & Irmão, 1951




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2000v6n0p73

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br