O que significa educar para a compreensão da história? um olhar a partir de um programa de avaliação educacional

Sonia Regina Miranda

Resumo


O artigo visa discutir os significados e importância de um trabalho de "educação histórica" ao longo do ensino fundamental e médio, bem como avaliar algumas tendências verificáveis nesses níveis de escolarização quanto à aprendizagem da História. Para tanto, foram utilizados os resultados auferidos pelo Programa de avaliação educacional empreendido no estado de Minas Gerais.


Palavras-chave


Ensino de história; Aprendizagem; Temporalidade histórica; Conhecimento; Formação de professores.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Milton. Aproximações em forma escrita sobre as imagens da pintura e do cinema. In: ZAMBONI, Emesta; MIGUEL, Antônio. Representações do espaço. Campinas: Autores Associados, 1996.

BITTENCOURT, Circe (org). O saber histórico na sala de aula. São Paulo: Contexto, 1997.

BLOCH, Marc. Introdução á História. Lisboa: Europa-América, 1997

CARDOSO, Ciro; VAINFAS. Ronaldo. Os domínios da História. Rio de Janeiro: Campus, 1997.

CARDOSO, Ciro Flamarion; PEREZ BRIGNOLLI, Hector. Os métodos da História. Rio de Janeiro: Graal, 1981.

CERTEAU, Michel de. A cultura no plural. Campinas: Papirus, 2001.

COOPER, Hilary. The teaching of History in primary schools. London: David Fulton, 1995.

ELIAS, Norbert. Sobre o tempo. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1998.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2003v9n0p301

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br