História e memória em sala de aula: as ideias dos alunos sobre as manipulações fotográficas no governo de Stálin (1923-1954)

Andreya Susane Seiffert

Resumo


 

Este artigo é resultado de pesquisa desenvolvida com alunos do segundo ano do ensino médio na turma na qual realizei o estágio obrigatório da disciplina Estágio com Docência em História IIII da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). A proposta da disciplina era aliar ensino e pesquisa.  O tema escolhido para investigação e análise através do presente artigo foi a manipulação fotográfica ocorrida no governo de Stálin. Este trabalho apresenta uma interpretação acerca das respostas dos alunos quando questionados sobre o motivo de tais intervenções e se é realmente possível apagar alguém da História. Expõe, ainda, a relação que os estudantes travaram entre Memória e História e discute a importância do ensino de História em contribuir para o aperfeiçoamento da consciência histórica.


Palavras-chave


Ensino de História; Memória; Stalinismo

Texto completo:

PDF

Referências


CAINELLI, M.; TUMA, M. História e Memória na construção do pensamento histórico: uma investigação em Educação Histórica. Revista HISTEDBR online, Campinas, n. 34. Disponível em: . Acesso em: 07 set. 2011.

ORWELL, G. 1984. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2005.

HOOBLER, D.; HOOBLER T. Stálin. São Paulo: Nova cultural, 1987.

KLINTOWITZ, J. O pai da mentira. Veja, São Paulo, n. 1522, p.62-65, 19 nov. 1997. Disponível em: . Acesso em: 01 nov. 2010.

LEE, Peter. Em direção a um conceito de literacia histórica. Educar, Curitiba, Especial, 2006.

LEMINSKI, P. Trotski: a paixão segundo a revolução. São Paulo: Brasiliense, 1986.

MATTOZZI, Ivo. La transposicion del texto historiográfico: un problema crucial de la didáctica de la História. Teoria y Didáctica de las Ciências Sociales. Barcelona: n.4, 1999

NORA, P. Entre memória e História: a problemática dos lugares. Projeto História, São Paulo, n.10, dez. 1993

POLLAK, M. Memória, Esquecimento, Silêncio. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, v. 2, n. 3, 1989.

SCHMIDT, M. A. Cognição Histórica situada: que aprendizagem histórica é esta?. In SCHMIDT, M. A.; BARCA, I. (Org.). Aprender História: perspectivas da educação histórica. Ijuí: Editora UNIJUI, 2009




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2011v17n1p167

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Hist. Ensino
E-Issn: 2238-3018
DOI10.5433/2238-3018
E-mail: labhis@uel.br