Análise do comportamento das chuvas no município de Arapiraca, região Agreste de Alagoas

Rafael Albuquerque Xavier, Patricia da Conceição Dornellas

Resumo


A principal característica do comportamento das chuvas no município de Arapiraca é a sua grande variabilidade. As variações nas precipitações refletem claramente a dinâmica atmosférica da região, marcadas pela intensa variabilidade, onde se observa a atuação das Ondas de Leste no período de maio a agosto, tornando esse período mais chuvoso. Por outro lado, foi caracterizada uma longa estação seca, principalmente entre os meses de setembro a março; entretanto, as variações na precipitação nesse período exprimem a atuação de outros sistemas atmosféricos, como a Zona de Convergência Intertropical. A definição da estação seca, a partir dos meses que registraram totais acumulados inferiores a 50 mm, mostrou uma ampliação de sua duração em relação aos trabalhos anteriores, mudando de 4 a 5 meses, para predominantemente 6 a 7 meses. Isso não significa dizer que está ocorrendo uma diminuição nos totais anuais, pois a série histórica é considerada pequena para tal afirmação, mas é possível afirmar que há um aumento na concentração das chuvas no período mais úmido.

Palavras-chave


Variabilidade da chuva; Precipitação; Agreste de Alagoas; Arapiraca

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2005v14n2p49

Direitos autorais 2010 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com