A espacialização do latifúndio, os impasses à política de assentamentos e a eficiência camponesa em Ivinhema-MS

Thiago da Silva Melo

Resumo


O presente trabalho pretende discutir a espacialização do latifúndio e os desdobramentos socioambientais e políticos desse processo bem como as tensões de classe entre o latifúndio e o campesinato enquanto portadores de objetivos conflitantes no campo. Para tanto, parte-se da teoria da renda da terra e da função social da terra para a compreensão da constituição do latifúndio produtivo e suas características, o que supõe reposicionar o uso do termo agronegócio. Dessa forma, o objetivo do trabalho é evidenciar como a concentração fundiária provoca efeitos devastadores para a sociedade, ao mesmo tempo em que a unidade de produção camponesa se apresenta como portadora da capacidade de cumprimento da função social da terra. Os estudos que o comprovam estão baseados no recorte espacial do município de Ivinhema, localizado no sudoeste de Mato Grosso do Sul. A metodologia utilizada consistiu em levantamento bibliográfico em livros, periódicos e jornais sobre os temas, levantamento de dados nos censos agropecuários e da produção agrícola municipal do IBGE, informações sobre a estrutura agrária de Ivinhema junto ao INCRA e obtenção de informações por meio de entrevistas realizadas com servidores públicos, proprietários capitalistas e camponeses no município. Após a análise dos dados à luz da base teórica utilizada, constatou-se a prevalência do caráter rentista da propriedade privada capitalista da terra, aqui caracterizada como latifúndio improdutivo e latifúndio produtivo, em vista das distinções entre ambos, aos quais confrontou-se a agricultura camponesa, qualitativamente oposta a ambos em vista do uso produtivo da terra.

Palavras-chave


Latifúndio improdutivo; Latifúndio produtivo; Campesinato; Função social da terra.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2018v27n1p201

Direitos autorais 2018 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com