A metaficção no conto “o Aleph”, de Jorge Luís Borges

Patrícia Pilar Farias, Maria Suely de Oliveira Lopes

Resumo


O presente trabalho dedica-se ao estudo do conto “O Aleph”, de Jorge Luís Borges, que traz na narrativa representações do universo capazes de transcenderem as interpretações do mundo empírico. A pesquisa analisa a metaficção no texto a partir da relação com o fantástico-maravilhoso. A pesquisa apoia-se nas contribuições de Gustavo Bernardo (2010), Patricia Waugh,e Tzvetan Todorov (1981). Com o estudo foi possível perceber que as representações da metaficção acontecem por meio de um labirinto de palavras que conduzem o leitor a várias possibilidades de significações e ressignificações para o Aleph.


Palavras-chave


Jorge Luís Borges; O Aleph; Metaficção; Fantástico-maravilhoso.

Texto completo:

PDF

Referências


BORGES, J. L. O Aleph. In: BORGES, J. L. O Aleph. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

BRAVO, Nicole Fernandez. Duplo. In: BRUNEL, Pierre. (Org.). Dicionário de mitos literários. Rio de Janeiro: José Olympio, 1998. p. 261- 287.

CARPENTIER, Alejo. Do real maravilhoso americano. A literatura do maravilhoso. Tradução de Rubia P. Goldoni e Sérgio Molina. São Paulo: Vértice, 1987.

CARPENTIER, Alejo. Prólogo. Disponível em: www.lahaine.org.amautab2imgCarpentier%20(El%20reino%20de%20este%20mundo).pdf. Acesso em: 28 de novembro.2018

CHIAMPI, Irlemar. O Realismo Maravilhoso. Forma e Ideologia no Romance Hispano Americano. São Paulo: Perspectiva, 1980. (Debates, 160)

HUTCHEON, L. Narcissistic Narrative: The metaficional paradox. London And New York: Routledge, 1991.

MAGRITTE, René. Ecrits complets. Paris: Flamamarion,2001.

MARTINS, Geraldo Magela. Freud e Borges: a escrita do sonho. Rádio Dourados, MS, v. 3, n. 5, p.29-38, jan./jun. 2009.

MIRANDA, Wander Melo. Ficção Virtual. Revista de Estudos de Literatura. Belo Horizonte: Faculdade de Letras da UFMG, 1995. p. 13-17.

MONEGAL, E. R. Borges: uma poética da leitura. Prefácio de Irlemar Chiampi. São Paulo: Editora Perspectiva, 1980.

ROAS DEUS, David (Org.). Teorías de lo fantástico. Madrid: Arco/Libros, 2001.

WAUGH, P. Metafiction: the theory and practice of self-conscious fiction. London New York: Routledge, 1984.

TODOROV, T. Introdução à Literatura Fantástica. São Paulo: Editora Perspectiva, 2004


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.