A identidade de uma mulher chamada Jesus

Miriam Monaco Mota

Resumo


Este texto apresenta uma análise de Quarto de Despejo: Diário de uma favelada, da escritora Carolina Maria de Jesus. O fio norteador da análise é a questão identitária da escritora / narradora / protagonista da referida obra. A base teórica foi fundamentada essencialmente nas ideias e conceitos do sociólogo Stuart Hall.

Palavras-chave


Identidade; Diário; Quarto de despejo; Carolina Maria de Jesus

Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, Mikhail. Estética da criação verba. Tradução Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

BENJAMIN, Walter. Sobre arte, técnica, linguagem e política. Tradução: Maria Luz Moita. Lisboa: Relógio D’Água, 1992.

HALL, Stuart. Quem precisa de identidade? In: HALL, Stuart. Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2000.

JESUS, Carolina Maria. Quarto de despejo: diário de uma favelada. 8. ed. São Paulo: Ática, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.