Pós-doutorado e o cenário dos resultados na carreira docente: uma análise da área de psicologia

Marcello Vinicius Dória Calvosa

Resumo


O artigo buscou investigar o pós-doutorado na área de Psicologia e responder as seguintes questões: O pós-doutorado influencia ou não na carreira docente no sentido dos seus outputs? O pós-doutorado na área da Psicologia produz efeitos tais como nas demais áreas? Com amostra constituída por 350 docentes da área e que integraram o quadro permanente da pós-graduação stricto sensu, foram analisados os seguintes aspectos: Trajetória de formação; tempo de carreira; realização ou não de pós-doutorado; nota do programa de pós-graduação; produção de artigos e participação em comitê editorial de periódicos estrato ‘A’. Principais resultados: Para os recém-doutores a realização de pós-doutorado não afeta a produção científica, mas influencia nas chances de participar de comitê editorial de um periódico internacional; e, os outputs do pós-doutorado no geral são mais expressivos para os doutores seniores para os quais o estágio pósdoutoral mostrou ser um fator diferenciador das suas médias de produção científica.

Palavras-chave


psicologia; pós-doutorado; qualificação dpocente; carreira

Texto completo:

PDF

Referências


Bonaccorsi, A., & Daraio, C. (2003). Age effects in scientific productivity: The case of the Italian National Research Council (CNR). Scientometrics, 58(1), 49-90. doi: 10.1023/A:1025427507552

Calvosa, M. V. D., Repossi, M. G., & Castro, P. M. R. (2011). Avaliação de resultados da capacitação docente: O Pós-doutorado na Universidade Federal Fluminense sob a ótica da produção científica e bibliográfica. Revista da Avaliação da Educação Superior, 16(1), 99-122. doi: 10.1590/S1414-40772011000100006

Castro, P. M. R (2017). Influência do pós-doutorado sobre produção científica da pós-graduação: O caso da USP. Saarbrücken: Novas Edições Acadêmicas.

Castro, P. M. R., & Porto, G. S. (2008). Retorno ao exterior vale a pena? A questão dos estágios pós-doutorais sob a perspectiva da produção em C&T. Organizações & Sociedade, 15(47), 155-173. doi: 10.1590/S1984-92302008000400009

Castro, P. M. R., & Porto, G. S. (2010). Análise exploratória sobre a mensuração de resultados da capacitação via estágios pós-doutorais: Heterogeneidade entre grandes áreas do conhecimento?. Revista de Administração (RAUSP), 45(1), 43-56. doi: 10.1016/S0080-2107(16)30508-8

Castro, P. M. R., & Porto, G. S. (2012). Avaliação de resultados da capacitação via estágios pós-doutorais: Breves notas sobre a produção científica em periódicos. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, 20(74), 51-72. doi: 10.1590/S0104-40362012000100004

Castro, P. M. R., & Porto, G. S. (2016). Copo meio cheio ou copo meio vazio? Estágio pós-doutoral, face exposta, revisão crítica e agenda de pesquisa. Educação em Revista, 32(1), 159-184. doi: 10.1590/0102-4698140410

Castro, P. M. R., Porto, G. S., & Kannebley, S. (2013). Pós-doutorado, essencial ou opcional? Revista da Avaliação da Educação Superior, 18(3), 773-801. doi: 10.1590/S1414-40772013000300013.

Coraiola, D. M., Baratter M. A., Takahashi, A. R. W., & May, M. R. (2016). Pós-doutorado na formação dos docentes de programas de pós-graduação em administração no Brasil - Perfil e configuração. Administração: Ensino e Pesquisa, 14(4), 725-758. doi: 10.13058/raep.2013.v14n4.50.

Macedo, E., & Sousa, C. P. (2010). A pesquisa em educação no Brasil. Revista Brasileira de Educação, 15(43), 166-202. doi: 10.1590/S1413-24782010000100012.

Meneghini, R. (1995) Performance of Brazilian scientists and the pattern of scientific training: A comparison between physicists and chemists. Ciência e Cultura, 47(2), 45-49.

Mueller, S. P. M. (2006). A comunicação científica e o movimento de acesso livre ao conhecimento. Ciência da Informação, 35(2), 27-38. doi: 10.1590/S0100-19652006000200004

Trigueiro, M. G. (2001). A formação de cientistas: Necessidades e soluções. In M. Baumgartem (Ed.). A era do conhecimento: Matrix ou Ágora? (pp. 61-70). Porto Alegre, RS: UFRGS.

Witter, G. P. (1996). Catálogo de publicações dos docentes 1990/1994. Campinas, SP: Editora PUC-Campinas.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2236-6407.2020v11n1p201

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Estud. Interdiscip. Psicol.
E-mail: revistaeip@uel.br
E-ISSN: 2236-6407
DOI: 10.5433/2236-6407 

 Esta obra está licenciada com uma licença Attribution 4.0 International (CC BY 4.0)