Ultima Hora: em cena a modernidade fotográfica

Silvana Louzada

Resumo


Este artigo visa investigar a construção da linguagem fotojornalística no jornal Ultima Hora como um processo de preparação do público, em grande parte recém-urbanizado, para a leitura de texto e imagem. A utilização das sequências fotográficas e posteriormente do instantâneo é analisada à luz do pensamento de Paul Ricoeur que entende a narrativa como mediadora entre a experiência e o discurso. A fotografia é aqui entendida como um discurso que é edificado paulatinamente nas páginas do jornal, preparando o público para sua compreensão plena na percepção do tempo aprisionado no instantâneo fotográfico.


Palavras-chave


Fotojornalismo. Jornal Última Hora.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-7939.2009v5n6p161



Discursos Fotogr.

Londrina - PR

DOI: 10.5433/1984-7939

EISSN: 1984-7939

Email: revistadiscursos@uel.br




 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.