O teatro ritual de Artaud e a cura xamânica

Vinícius Silva de Lima

Resumo


Este trabalho tem como principal objetivo abordar a visão do Teatro da Crueldade proposta pelo poeta Antonin Artaud como um instrumento de cura. Como já apontado por Junito de Souza Brandão, a tragédia nasce do culto ao deus Dionísio, sendo que os participantes dos ritos se embriagavam e após intensa festividade caiam desfalecidos. Nesse estado, acreditavam sair de si pelo processo do ékstasis, êxtase. O mesmo caminho se dá no xamanismo em um processo de cura cruel, em que o xamã, em estado extático, é tocado pela morte e com isso adquire um poder de cura. Artaud, em sua obra promove uma aproximação entre a ação teatral e o ritual, resgatando a idéia de teatro como uma atividade mágica e real, como uma prática de cura, uma purificação, através de um árduo processo de iniciação, em que a cisão entre corpo e mente pode ser finalmente abolida.


Palavras-chave


Antonin Artaud; Teatro; Xamanismo

Texto completo:

PDF

Referências


ARTAUD, Antonin. Linguagem e Vida. São Paulo: Editora Perspectiva, 2006.

ARTAUD, Antonin. Os Escritos de Antonin Artaud. Tradução, prefácio e seleção Cláudio Willer. Porto Alegre: L&PM, 1983.

ARTAUD, Antonin. O teatro e seu Duplo. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

BRANDÃO, Junito de Souza. Teatro Grego: Tragédia e Comédia. 6.ed. São Paulo: Ed. Vozes, 1996.

DERRIDA, Jacques. A Escritura e a Diferença. São Paulo: Editora Perspectiva, 1971.

ELIADE, Mircea. O Xamanismo e as Técnicas Arcaicas do Êxtase. São Paulo: Martins Fontes, 2002.

FACHIN, Lídia. O Espaço da Narrativa no Teatro. In: Itinerários, Araraquara, n.12, p.103- 111, 1998.

LÉVY-STRAUSS, Claude. Antropologia Estrutural. Rio de Janeiro: Ed. Tempo Brasileiro, 1970.

LINS, Daniel. Antonin Artaud: O Artesão do corpo sem órgãos. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 1999.

QUILICI, Cassiano Sydow. Antonin Artaud: Teatro e Ritual. São Paulo: Annablume, 2004.

ROSENFELD, Anatol. Texto/Contexto. 3. ed. São Paulo: Perspectiva, 1976.

SONTAG, Susan. Abordando Artaud. In: Sob o Signo de Saturno. Porto Alegre: L&PM, 1973.

SZONDI, Peter. Teoria do Drama Moderno. São Paulo: Cosac & Naify, 2003.

VIRMAUX, Alain. Artaud e o Teatro. São Paulo: Editora Perspectiva, 1978.

WOSIEN, M. Sacred Dance. London: Thames and Hudson, 1974.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Boitatá
E-ISSN: 1980-4504
Universidade Estadual de Londrina
E-mail: boitata@uel.br
Telefone: (43) 33714428