Ensino de História e consciência histórica de alunos da Educação de Jovens e Adultos: notas investigativas

Wilian Junior Wilian Junior

Resumo


O presente artigo se propõe a sistematizar alguns resultados de nossa pesquisa de mestrado que procurou investigar o pensamento de alunos jovens e adultos sobre a História e sua função social e se os mesmos atribuíam um sentido prático para a aprendizagem histórica. Em outras palavras, intentou-se analisar o significado do conhecimento histórico para os alunos e em que medida o ensino de História exerce influência na formação de um pensamento crítico e reflexivo a respeito de si mesmos e do mundo contemporâneo. Para tanto, optou-se por uma abordagem consubstanciada na Teoria da História aliada aos pressupostos teórico-metodológicos da Didática da História. As fontes foram interpretadas a partir das respostas dos alunos dadas a um conjunto de questões sobre o conhecimento histórico que envolveu significado, interesse, agrado, confiança, temporalidade, experiências na sala de aula e vida prática.

Palavras-chave


História e ensino; Didática da história; Consciência histórica; Aprendizagem histórica; Educação de Jovens e Adultos

Texto completo:

PDF

Referências


BARCA, Isabel. Marcos de consciência histórica de jovens portugueses. Currículo sem Fronteiras, v.7, n.1, p.115-126, 2007.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BERGMANN, Klaus. A história na reflexão didática. Revista Brasileira de História. São Paulo, v.9, n.19, p.29-42, set/fev 1990.

CAIMI, Flávia Eloisa. História escolar e memória coletiva: como se ensina? Como se aprende. In: ROCHA, Helenice Aparecida Bastos; MAGALHAES, Marcelo de Souza; GONTIJO, Rebeca. (orgs.) A escrita da história escolar: memória e historiografia. Rio de Janeiro: FGV, 2009.

CARDOSO, Oldimar Pontes. A didática da história e o slogan da formação de cidadãos. (Tese de Doutorado em Educação), USP, São Paulo, 2007.

CERRI, Luis Fernando. Cartografias Temporais: metodologias da pesquisa em consciência histórica. Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 36, n.1, p. 59-81, jan./abr 2011b.

CERRI, Luis Fernando. Ensino de história e consciência histórica. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2011.

CERRI, Luis Fernando. Os conceitos de consciência histórica e os desafios da didática da história. Revista História Regional, Curitiba, v.6, p.93-112, 2001.

CERRI, Luis Fernando. Para uma definição de didática da história. Revista Brasileira de História. São Paulo, v.28, n.55, p.153-170, jun. 2008.

CERRI, Luis Fernando; MOLLAR, Jonathan. Jovens diante da história: o nacional e o internacional na América Latina. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v.5, n.2, p.161-171.

COSTA, José Raimundo Lisboa da. Ensino de história na educação de adultos: entre o ensinado e o vivido – as dimensões da consciência histórica. (Tese de Doutorado em Educação), UFMG, Belo Horizonte, 2005.

ECKER Alois. Didactica de la historia orientada a los processos. Nuevos caminhos em la formacion de maestros (as) de educacion superior en la Universidad de Viena, 2002. Disponível em: http://www.univie.ac.at/wirtschaftsgeschichte/pdf_gdes.html. Acesso em: dez. de 2012.

FONSECA, Selva Guimarães. Didática e Prática de ensino de história: Experiências, reflexões e aprendizados. São Paulo: Papirus, 2003.

GERMINARI, Geyso Dongley. A história da cidade, consciência histórica e identidades de jovens escolarizados. (Tese de Doutorado em Educação),UFPR, Curitiba, 2010.

HICKENBICKI, Cláudia. Lembrança, interesse e história substantiva: significados do ensino e aprendizagem da história para os sujeitos da educação de jovens e adultos. (Dissertação de mestrado em Educação), UFPR, Curitiba, 2009.

IPARDES. Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social. Caderno Estatístico do Município de Guarapuava. Dezembro de 2012.

JOHNSON, A. G. Dicionário de sociologia. Rio de Janeiro: Zahar, 1997.

KUSNICK, Marcos. Filosofia cotidiana da História: uma contribuição para a Didática da História. (Dissertação de Mestrado em Educação, UEPG, Ponta Grossa, 2007.

MORAES, Roque. Uma tempestade de luz: a compreensão possibilitada pela análise textual discursiva. Ciência & Educação, v. 9, n. 2, p. 191-21, 2003.

MURINELLI, Glaucia Ruivo. Narrativas de futuros professores de história sobre os afrobrasileiros no contexto do pós-abolição: um estudo em meio a lei federal 10.639/03. (Mestrado em História) UEL, Londrina, 2012.

PACIEVITCH, Caroline. Consciência Histórica e Identidade de Professores de História. Ponta Grossa, 2006. (Dissertação de mestrado em Educação), UEPG, Ponta Grossa 2006.

PÁDUA, Josiane Soares. O processo de construção do conhecimento histórico para alunos em educação de jovens e adultos: um olhar para as práticas de leitura e escrita. (Dissertação de Mestrado em Educação),UNESP, Rio Claro 2008.

RÜSEN, Jörn. Aprendizagem histórica: fundamentos e paradigmas. Curitiba: W.A. Editores, 2012.

RÜSEN, Jörn. Didática da História: passado, presente e perspectivas a partir do caso alemão. In: Praxis Educativa. Ponta Grossa, v.1, n.2, p.07-17, jul/dez 2006

RÜSEN, Jörn. História Viva: formas e funções do conhecimento histórico. Brasília: Editora da UnB, 2007.

RÜSEN, Jörn. O desenvolvimento da competência narrativa na aprendizagem histórica: uma hipótese ontogenética relativa a consciência moral. In: SCHMIDT, Maria; BARCA, Isabel; MARTINS, Estevão (Org.). Jörn Rüsen e o Ensino de História. Curitiba: Editora UFPR, 2010, p. 51-77.

RÜSEN, Jörn. Razão histórica. Teoria da história: os fundamentos da ciência histórica. Brasília: Editora da UnB, 2001a.

SCHMIDT, Maria Auxiliadora. A formação do professor de história e o cotidiano na sala de aula. In: BITTENCOURT, Circe. O saber histórico na sala de aula. São Paulo: Editora Contexto, 2002.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-3356.2013v6n12p76

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Antíteses
Londrina/PR - Brasil
ISSN: 1984-3356

antiteses@uel.br

PPG-HSCNPQRevista da ABPN foi a indexada a ERIHPLUS-European REference Index for the  Humanites and Social...Indexadores
Directory of Open Access Journals – DOAJDORA