A Canção como Mediação nos Livros Didáticos de História na Coleção História e Vida Integrada de Nelson e Claudino Piletti (1997-2007

Érica da Silva Xavier

Resumo


Neste trabalho buscamos compreender como os livros didáticos de história, mais precisamente os da coleção História e Vida Integrada propõem a canção dentro de seus conteúdos no período de 1997 a 2007. Objetivamos investigar se os livros didáticos desta coleção caracterizam a canção enquanto fonte histórica possibilitando a mediação entre as fontes e o conhecimento. Pois, entendemos que esta discussão é essencial uma vez que esta coleção sempre teve grande aceitação por parte dos professores durante o período investigado. Consideramos que o docente se vale de várias ferramentas mediadoras que o auxiliam nesse processo, entre elas a canção e o próprio livro didático, uma vez que não podemos limitar a ação do professor a ser apenas baseada no manual. Porém, o livro didático enquanto artefato mediador entre o professor e as fontes históricas não deve caracterizar estas de forma simplificada, transformando-as em uma mera ilustração de conteúdo ou reflexo da realidade. As fontes devem assumir um papel fundamental de significação na estrutura cognitiva do aluno: demonstrar as representações que determinados grupos forjaram sobre a sociedade em que viviam como pensavam ou sentiam, como se estabeleceram no tempo e no espaço; como servir para que o aluno seja capaz de fazer diferenciações, abstrações que o permitam fazer a leitura das distintas temporalidades as quais estamos submetidos. Com estas preocupações em mente é que fizemos esta investigação.

Palavras-chave


Canção; História e Vida Integrada; Mediação Cultural; História e ensino

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-3356.2012v5n9p483



Antíteses
Londrina/PR - Brasil
ISSN: 1984-3356

antiteses@uel.br

PPG-HSCNPQRevista da ABPN foi a indexada a ERIHPLUS-European REference Index for the  Humanites and Social...Indexadores
Directory of Open Access Journals – DOAJDORA