A Literatura Fantástica: Gênero ou Modo?

Marisa Martins Gama-Khalil

Resumo


Nos estudos atuais sobre literatura fantástica, alguns estudiosos vêm dividindo opiniões em função do enquadramento teórico-crítico dessa literatura como gênero literário ou como modo literário. A proposta do artigo é demonstrar estudos representativos das duas tendências, problematizando-os e refletindo sobre suas especificidades.

Palavras-chave


Literatura fantástica; Gênero; Modo

Texto completo:

PDF

Referências


ALAZRAKI, Jaime. “¿Que es lo neofantástico?” David Roas, org. Teorías de lo Fantástico. Madrid: Arco/Libros S.L., 2001. 265-282.

BERMEJO, Ernesto González. Conversas com Cortázar. Tradução de Luís Carlos Cabral. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2002.

BESSIÈRE, Irene. “El relato fantástico: forma mixta de caso y adivinanza.” David Roas, org. Teorías de lo Fantástico. Madrid: Arco/Libros S.L., 2001. 83-104.

CALVINO, Ítalo. “Definições de territórios: o fantástico”. Assunto Encerrado: Discursos sobre Literatura e Sociedade. Trad. Roberta Barni. São Paulo: Companhia das Letras, 2006. p. 256-258.

CASARES, Adolfo Bioy. “Prólogo”. Adolfo Bioy Casares, Jorge Luis Borges & Silvina Ocampo. Antología de la Literatura Fantástica.5.ed. Buenos Aires: Debolsillo, 2009.

CESERANI, Remo. O Fantástico. Trad. Nilton Tripadalli. Curitiba: Ed. UFPR, 2006.

CORTÁZAR, Julio. Rayuela. Buenos Aires: Editorial Sudamericana, 1968.

COVIZZI, Lenira Marques. O Insólito em Guimarães Rosa e Borges. São Paulo: Ática, 1978.

FREUD, Sigmund. “O inquietante”. História de uma neurose infantil (O homem dos lobos): além do princípio do prazer e outros textos. Trad. Paulo César de Souza. São Paulo: Companhia das Letras, 2010: 328-376.

FURTADO, Filipe. A Construção do Fantástico na Narrativa. Lisboa: Livros Horizonte, 1980.

FURTADO, Filipe. “Fantástico: Modo”. Disponível em http://www.edtl.com.pt. Acesso em junho de 2011.

ISER, Wolfgang. O Ato da Leitura: uma Teoria do Efeito Estético. Trad. Johannes Kretschmer. São Paulo: Ed. 34, 1996.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1678-2054.2013v26p18

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Publicação do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Estadual de Londrina.  


ISSN: 1678-2054

QUALIS - CAPES 2013-2016: Letras/Linguística: B1 ; Educação: B2

Os artigos têm Identificador de Objeto Digital (DOI). 
 
Índice de Citações dos artigosGoogle Acadêmico

a) índice h1 - (>2016) - 11
b) índice i10 - (>2016) - 10

MIAR - ICDS (2021) - 6.3

Fale conosco