Jardins em perspectiva: diálogo entre o jardim da Casa da Parreira, o conto “José Matias”, de Eça de Queirós e “Gladíolos”, de Claude Monet

Paula Aparecida Volupca

Resumo


Este trabalho pretende abordar a relação visual do conto José Matias, de Eça de Queirós e a estética Impressionista. Umberto Eco, em A Obra Aberta defende que “em vez da definição a relação, em vez do resultado, o processo, em vez do evento, a probabilidade” (ECO, 2005). Realismo e Impressionismo são escolas contemporâneas e têm como seus maiores representantes, Eça de Queirós e Claude Monet. Assim, pretende-se demonstrar as relações possíveis entre o conto de Eça e a tela Gladíolos de Monet, analisando a formação imagética correspondente entre o texto e a pintura por meio das cores utilizadas para criar a atmosfera que atinge diretamente os sentidos.

Palavras-chave


Claude Monet; Eça de Queirós; Cores; Simbologia; Olhar

Texto completo:

PDF

Referências


BACHELARD, Gaston. 1993. A poética do espaço. São Paulo: Martins Fontes.

BAKHTIN, Mikhail. 1990. Questões de literatura e estética. A teoria do romance. 2ª ed. São Paulo: Unesp/Hucitec

CHEVALIER, Jean & Alain Gheerbrant. 2007. Dicionário de símbolos. 21ª ed. Rio de Janeiro: José Olympio.

COELHO, Maria da Conceição & Maria Teresa Azinheira. 1996. Eça de Queirós: contos. Lisboa: Europa-América.

CORTEZ, Clarice Zamonaro. 2005. “Literatura e Pintura”. Thomas Bonnici & Lúcia Osana Zolin, orgs. Teoria Literária: abordagens históricas e tendências contemporâneas. Maringá: EDUEM. 281-293.

ECO, Umberto. 2005. Obra aberta: forma e indeterminações nas poéticas contemporâneas. São Paulo: Perspectiva.

FERRAZ, Maria de Lourdes A. 2001. “Visibilidade e arte em Eça de Queirós”. Scripta 4.8: 185-193.

GLADIOLI by Monet. Disponível em: http://www.freeonlineresearchpapers.com/gladioli-by-monet. Acesso em: 03/09/2011.

GUERRA DA CAL, Ernesto. 1969. Língua e estilo de Eça de Queiroz. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro.

JOLY, Martine. 1996. Introdução à análise da imagem. Campinas: Papirus.

NASCIMENTO, Jair. Realismo Naturalismo. Disponível em: http://www.slideshare.net/jairnascimento/realismo-naturalismo. Acesso em: 22/07/2012.

OSTROWER, Fayga Perla. 1989. Universos da arte. 2ª ed. Rio de Janeiro: Campus.

QUEIROZ, Eça de. Obras de Eça de Queiroz. Porto: Lello e Irmão, 19.., volume 1.

SAGNER, Karin. 2006. Claude Monet (1840 - 1926) - uma festa para os olhos. Colônia: Taschen.

SEDEF’S CORNER. Claude Monet - Gladioli. Disponível em: http://www.sedefscorner. com/2011/03/claude-monet-gladioli.html. Acesso em 12/10/2011.

SHAPIRO, Meyer. 2002. Impressionismo: reflexões e percepções. São Paulo: Cosac e Naify.

THIMÓTEO, Maria Natália F. Gomes. 1997. “Narrador em ‘José Matias’, de Eça de Queirós”. Revista Guairacá 13: 145-160.

TRINGALI, Dante. 1994. Escolas Literárias. São Paulo: Musa Editora.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1678-2054.2012v24p104

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Publicação do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Estadual de Londrina.  


ISSN: 1678-2054

QUALIS - CAPES 2013-2016: Letras/Linguística: B1 ; Educação: B2

Os artigos têm Identificador de Objeto Digital (DOI). 
 
Índice de Citações dos artigosGoogle Acadêmico

a) índice h1 - (>2016) - 11
b) índice i10 - (>2016) - 10

MIAR - ICDS (2021) - 6.3

Fale conosco