Percurso e percalços de Afrânio Coutinho na crítica literária brasileira

Marcelo José da Silva

Resumo


Nos anos 40 do século XX, Afrânio Coutinho surge no cenário nacional como aquele que promove a passagem da crítica literária impressionista para uma crítica baseada em critérios estéticos. O crítico e professor contribuiu ainda para a criação da figura do crítico universitário, oriundo do meio acadêmico. Como resultado de seu trabalho vem a lume A literatura no Brasil (1955-1959) onde o crítico, com a colaboração de outros especialistas, inova pelo abandono da periodização histórica. Sobre o percurso traçado e as pedras no meio do caminho é que nos debruçamos.

In the 1940s, Afrânio Coutinho emerges on the national scene as the one who promotes the passage from an impressionistic literary criticism to a based-on-aesthetic-criteria one. The critic and professor also contributed to the arising of the professional critic figure coming from academic world. As a result, Coutinho, with the collaboration of other specialists, publishes A literatura no Brasil (1955-1959) introducing a new criteria and promoting the abandon of historical periodization. In this paper, we deal with his trajectory and the stones in the middle of the road. 


Palavras-chave


Afrânio Coutinho; crítica literária; literary criticism

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1678-2054.2009v16p63

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Publicação do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Estadual de Londrina.  


ISSN: 1678-2054

QUALIS - CAPES 2013-2016: Letras/Linguística: B1 ; Educação: B2

Fale conosco