A crítica nos anos 20 e seu papel subsidiário das inovações literárias

Marcia Regina Jaschke Machado

Resumo


No modernismo brasileiro, a partir dos anos 20, a crítica literária foi uma prática recorrente e fundamental entre escritores e intelectuais que buscavam renovar a produção ficcional brasileira. Tal prática assumiu um importante papel na luta pela legitimação do movimento modernista, pois ela havia se consolidado como um espaço privilegiado para reflexões e direcionamento dos novos rumos da literatura. Este artigo tem como objetivo demonstrar algumas características do exercício da crítica literária em revistas durante a década de 20. 

In the Brazilian modernism, from the 20s, the literary criticism was a fundamental and frequent pratice between the writers and intellectuals who were intending the renovation of literature. This practice had great importance in the struggle for the modernism legitimation, because it had consolidated itself in a privileged space for reflections and proceedings of the new literary courses. The objective of this article consists of the demonstration of some characteristics about the literary criticism in magazines during the 20s.


Palavras-chave


Modernismo; Crítica literária; década de 20; Modernism; literary criticism; 1920s

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1678-2054.2009v16p35

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Publicação do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Estadual de Londrina.  


ISSN: 1678-2054

QUALIS - CAPES 2013-2016: Letras/Linguística: B1 ; Educação: B2

Fale conosco