Aproximações: Teorias Contemporâneas de Literatura, Identidade e Diários

Sérgio Barcelos

Resumo


Os desdobramentos da teoria iseriana para uma compreensão mais empírica da relação texto-leitor abre possibilidades para investigação de textos diversos, além de sua previsível aplicação ao texto literário ficcional. Os diários íntimos, estudados unicamente como textos periféricos e subsidiários em outras abordagens, passam a ser encarados como uma prática textual que transcende a intimidade e isolamento tão aderidos à noção mesma de escrita diarística. Como resultante dessa nova aproximação, a convergência de tendências teóricas mais recentes abarcará as preocupações iniciais dos estudos do diarismo, além de  sua mera inserção no campo dos estudos de literatura.

 The unfolding of the reader-response theory as coined by Iser towards a more empirical understanding of the relationship between reader and text open new possibilities for inquiry of diverse texts, beyond its predicable application to the fictional literary text. Diaries that had only been studied as subsidiary and peripheral texts can now be dealt with as a textual practice that overpass the intimacy and the isolation – traits historically linked to the notion of private writings. As a result of the new approach, the convergence of more recent theoretical tendencies will evolve the initial concerns on the studies of diaries and bring together the role of readership and identity formation in this genre of private writing.

Palavras-chave


Diários íntimos; teoria da recepção; identidade; leitor; Diaries; reader-response theory; identity

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1678-2054.2007v9p44

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Publicação do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Estadual de Londrina.  


ISSN: 1678-2054

QUALIS - CAPES 2013-2016: Letras/Linguística: B1 ; Educação: B2

Fale conosco