O Dialogismo Bakhtiniano no Romance Santa Evita

Fernando de Oliveira Lopes

Resumo


O presente trabalho é um estudo analítico-crítico sobre o romance histórico Santa Evita (1995), do escritor argentino Tomás Eloy Martínez, em que analisamos as vozes que o compõem. Efetuamos um percurso sobre as falas das personagens, bem como as do narrador, por meio do qual foi possível evidenciar a presença do conceito de dialogia na elaboração dessa obra, cuja história narra a trajetória da vida de “Evita” e a peregrinação de seu cadáver, logo após sua morte. 

Palavras-chave


dialogismo; Evita; vozes

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1678-2054.2005v5p33

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Publicação do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Estadual de Londrina.  


ISSN: 1678-2054

QUALIS - CAPES 2013-2016: Letras/Linguística: B1 ; Educação: B2

Fale conosco