Dimensões afetivas atualizadas no trabalho do Assistente Social

Sonia Vargas Mansano

Resumo


Novas modalidades de trabalho vêm se destacando e se consolidando em nossa sociedade desde a segunda metade do sécu lo XX. Com isso, o trabalhador braçal, que disponibilizava o seu tempo e a sua força física para serem explorados pelo mercado, vem cedendo lugar ao trabalhador bem informado, que atua a partir do conhecimento, da resolução de problemas, da sociabilidade e do afeto. O Assistente Social, cuja intervenção está voltada para as relações humanas e suas dificuldades de inserção social, é um dos profissionais que segue essa tendência, executando aquilo que alguns autores denominam como “trabalho imaterial”. Buscaremos analisar as dimensões afetivas que são atualizadas nessa profissão bem como as maneiras encontradas por esse trabalhador para acolher, analisar e elaborar as experiências, por vezes difíceis e limítrofes, que se fazem presentes em seu cotidiano.

Palavras-chave


Subjetividade; Trabalho; Afeto .

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-4842.2010v12n2p33



Serviço Social em Revista

E-ISSN: 1679-4842

E-mail: ssrevista@uel.br