O desmonte das políticas de seguridade social e os impactos sobre a classe trabalhadora: as estratégias e a resistência

Sara Granemann

Resumo


Tem sido parte da militância de dezenas de docentes – menos do que seria necessário  dadas as condições de miserabilidade da classe trabalhadora brasileira – dispor os resultados de suas pesquisas realizadas, sobretudo, em universidades públicas, à disposição daqueles que produzem a riqueza social que mantém as universidades - públicas e privadas - e que, não raro, jamais a conseguem frequentar. Assim, parece-me importante que não somente o empresariado se beneficie dos conhecimentos gerados nas universidades, mas que também as lutas sociais possam se beneficiar do conhecimento produzido pela ciência. Penso que este seminário objetiva, ao propiciar a reflexão de um tema do tempo presente, juntar as necessidades da classe trabalhadora, suas demandas e lutas com as respostas que as  pesquisas, a produção de conhecimento, pode ajudar a construir.

Palavras-chave


Desmonte das políticas de seguridade social

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-4842.2016v19n1p171

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Serviço Social em Revista

ISSN: 1679-4842

E-mail: ssrevista@uel.br