Capacidade deliberativa e de acompanhamento de políticas em Conselhos de Assistência Social

Márcia Batista Costa, Anselmo Sebastião Botelho

Resumo


O artigo resulta de uma pesquisa voltada para a análise da efetividade deliberativa dos Conselhos de Assistência Social em cidades do interior, tendo como parâmetro um estudo de caso no município de Abaeté, em Minas Gerais. O propósito foi avaliar a Política de Assistência Social adotada no município, além de buscar identificar as atribuições e o papel do Conselho no tocante às ações voltadas para a assistência social, bem como a sua relação com a administração pública municipal. Os resultados apontam fragilidades no processo participativo, limitando a atuação do Conselho na formulação e no controle das ações relativas à política municipal de assistência social.  


Palavras-chave


Conselho de Assistência Social, Deliberação, Política de Assistência Social.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-4842.2016v19n1p24

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Serviço Social em Revista

ISSN: 1679-4842

E-mail: ssrevista@uel.br