Vulnerabilidade social como critério utilizado na política de assistência estudantil: uma análise conceitual e empírica

Junia Zacour del Giúdice, Maria das Dores Saraiva Loreto, Denilson Santos Azevedo

Resumo


O critério de vulnerabilidade social é incorporado em diferentes programas, para análise das condições de pobreza e exclusão social. Pelo presente estudo, buscou-se examinar de forma conceitual e empírica, o critério de vulnerabilidade social adotado na assistência estudantil da Universidade Federal de Viçosa/MG, para seleção dos estudantes beneficiados, por meio de pesquisa bibliográfica e aplicação de questionário. Relacionou-se a vulnerabilidade social à exclusão social e aos riscos e abordou-se a percepção dos estudantes sobre o tema. Conclui-se que a abordagem empírica remete-se à conceitual, estando a vulnerabilidade social concentrada em indicadores econômicos e sociais, representados pela renda, posse de ativos, trabalho, saúde e estrutura familiar.

Palavras-chave


Vulnerabilidade Social; Assistência Estudantil; Ensino Superior.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-4842.2014v17n1p27



Serviço Social em Revista

E-ISSN: 1679-4842

E-mail: ssrevista@uel.br