A Vigilância Social na Política de Assistência Social: uma aproximação conceitual

Maria Luiza Amaral Rizzotti, Thaís Gaspar Mendes da Silva

Resumo


O presente artigo tem como objetivo realizar uma inicial aproximação com o conceito de Vigilância Social, em função de sua inserção, de forma central, na Política de Assistência Social em vigor. O estudo aborda também os conceitos de Vulnerabilidade Social, Risco Social e Território por estarem postos na circunscrição do conceito de vigilância social apontado no texto normativo. O caminho reflexivo seguiu a lógica de apresentar, primeiramente, uma discussão teórica do conceito de vigilância, recorrendo à definição de vigilância no campo da saúde pública. Proporciona uma discussão do posto nas orientações oficiais sob a égide de elemento orientador para a operação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e o diálogo com autores que discutem esses conceitos - Vulnerabilidade Social, Risco Social e Território - relacionados à Política de Assistência Social. As conclusões apontam no sentido de aprofundamento do tema como elemento impulsionador a promover a necessária articulação entre a leitura socioterritorial e as funções protetivas previstas na operação da política em tela.


Palavras-chave


vigilância social; vulnerabilidade social; risco social e território

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-4842.2013v15n2p130



Serviço Social em Revista

E-ISSN: 1679-4842

E-mail: ssrevista@uel.br