Vozes da escola: um olhar sobre projeções verbais e mentais em narrativas de professores em formação inicial

Carla Lynn Reichmann

Resumo


Situado no campo da Linguística Aplicada, este trabalho objetiva lançar um olhar sobre relatos reflexivos desencadeados por fotobiografias escolares realizadas para uma disciplina de estágio supervisionado em uma licenciatura em Letras Estrangeiras, em uma universidade pública no nordeste brasileiro. Neste estudo problematizando a formação inicial, focalizando histórias de vida e narrativas de formação (CONNELLY e CLANDININ, 1999; JOSSO, 2004; PASSEGGI e COSTA, 2008; BURTON et al, 2009) como prática de letramento (BARTON et al, 2000; KLEIMAN, 2007), analiso as projeções mentais e verbais (HALLIDAY, 1994) constituídas em narrativas de futuros professores, isto é, serão investigadas as representações relativas ao dizer e pensar/sentir inscritas nos textos dos participantes. Em suma, serão discutidas as vozes da escola que emergem nos relatos e que ecoam na sala de aula no âmbito do ensino superior.

Palavras-chave:


Palavras-chave


formação docente; ensino-aprendizagem de LE; projeções.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2237-4876.2011v14n2p19



Signum: Estudos da Linguagem
Telefone: (43) 3371-4428
E-mail: signum@uel.br
ISSN: 2237-4876