A constituição do discurso pedagógico e suas implicações na aula de língua estrangeira

Jakeline Aparecida Semechechem, Raquel Cristina Mendes de Carvalho

Resumo


O presente artigo relata uma pesquisa etnográfica cujo propósito era investigar como uma professora organiza, estrutura e regula seu discurso na aula de Língua Estrangeira. Para conduzir este estudo, os dados foram coletados nas aulas de Inglês de uma escola particular, através das gravações das aulas em áudio, diário da professora e das notas de uma observadora. Os dados foram analisados à luz da teoria de Bernstein sobre o discurso pedagógico, registros regulativo e instrucional. Este estudo enfatiza que o discurso do professor é organizado para promover interação na aula (registro regulativo) e para promover insumo na língua estrangeira, mas principalmente que o uso da língua estrangeira em ambos registros (regulativo e instrucional) promove mais oportunidades para os aprendizes desenvolver a competência comunicativa na língua estrangeira, neste caso em Língua Inglesa.


Palavras-chave


Discurso pedagógico; Língua estrangeira; Competência comunicativa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2237-4876.2007v10n2p139



Signum: Estudos da Linguagem
Telefone: (43) 3371-4428
E-mail: signum@uel.br
ISSN: 2237-4876