Sobrenomes italianos: um estudo onomástico

Vitalina Maria Frosi

Resumo


Este estudo tem como tema a análise de sobrenomes italianos de Caxias do Sul. O objetivo principal é a busca do étimo e de informações várias, pertinentes e relevantes ao tema em foco. O corpus é extraído dos registros de batismo de pessoas nascidas na área de abrangência da paróquia Santa Teresa desse município. Os sobrenomes objetos desta análise abrangem cinco fontes motivadoras: de profissão, de lugar, de características físicas ou psicológicas, de crianças enjeitadas e de caráter gratulatório. Para podermos identificar a etimologia e outras informações importantes ao estudo, valemonos de obras publicadas sobre este assunto, em particular, os dicionários de Cortelazzo e Zolli (1979); De Felice (1982, 1987); Zingarelli (1983); Devoto e Oli (1990); Caffarelli e Marcato (2008). Por este estudo procuramos responder a questões diretamente relacionadas aos sobrenomes italianos de indivíduos caxienses, apresentando, em linhas amplas, a origem geográfica italiana desses denominativos e, quando possível, indicando sua representatividade numérica nos lugares de proveniência. Abordamos o signo onomástico, destacando o traço distintivo existente entre ele e um signo linguístico. Os resultados são parciais e restritos pelo fato de tratar-se de uma pesquisa ainda em processo.

Palavras-chave


sobrenomes italianos; fontes motivadoras; signo onomástico.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2237-4876.2014v17n2p389



Signum: Estudos da Linguagem
Telefone: (43) 3371-4428
E-mail: signum@uel.br
ISSN: 2237-4876