Migrações ultramarinas. Trabalhadores brasileiros no Japão

Alice Yatiyo Asari, Rei Mei Yoshioka

Resumo


O artigo analisa a dinâmica migratória, especificamente, o fluxo de trabalhadores brasileiros, de origem japonesa, para o Japão. Este fluxo de trabalhadores iniciou-se no final da década de 1980, estimando-se em 170 mil brasileiros no Japão, como trabalhadores não especializados. Os movimentos populacionais são movidos por interesses econômicos, sociais e políticos dos países, tornando os migrantes "homens do mundo" que se movem aos sabores das necessidades de mão-de-obra de países desenvolvidos e subdesenvolvidos.


Palavras-chave


Dinâmica migratória; trabalhadores brasileiros; migrações temporárias

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.1996v17n3p237

Semina, Ciênc. Soc. Hum.

email: seminahumanas@uel.br
E-ISSN: 1679-0383

DOI: 10.5433/1679-0383


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

SalvarSalvarSalvarSalvar