Dádiva a Dario - Ou sobre a exposição:mobilidade em processos de gravura

Iara Strobel Camargo, Ho Lihn Piuh

Resumo


Apresentação da exposição "Mobilidade em processos de Gravura", da artista plástica Iara Strobel na Secretaria de Cultura/Curitiba. Observa-se este fenômeno criativo, recorrendo a uma estratégia a que chamaria de "refração" poética, no sentido bakhtiniano. A refração do verbal através do não verbal, permite por hipótese gerenciar uma "linguagem sem língua", embora não isenta de códigos a serem desvelados na operação crítica. Tenciona, nesta ocorrência, o próprio instrumento de análise exigindo um deslocamento do pendor referencial para o poético.



Palavras-chave


Gravura; Mobilidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.1993v14n3p155

Semina, Ciênc. Soc. Hum.

email: seminahumanas@uel.br
E-ISSN: 1679-0383

DOI: 10.5433/1679-0383


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

SalvarSalvarSalvarSalvar