Campesinato, potencialidade e processo

Paulo Bassani

Resumo


No presente trabalho procuramos levantar, a nível teórico, algumas considerações sobre a Questão Política do Campesinato. Tentamos demonstrar que sua presença na história, se dá como agentes capazes, a nível político-organizacional, de levar em frente movimentos sociais com características transformadoras. Nesse sentido o Campesinato, como categoria social, vem demonstrando seu potencial de luta, fortemente presente na sociedade capitalista.


Palavras-chave


Movimentos sociais; Carnpesinato; Potencialidade; Processo; Organização; Política.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.1989v10n3p142

Semina, Ciênc. Soc. Hum.

email: seminahumanas@uel.br
E-ISSN: 1679-0383

DOI: 10.5433/1679-0383


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

SalvarSalvarSalvarSalvar