Produtos orgânicos: barreiras para a disseminação do consumo de produtos orgânicos no varejo de supermercados em Londrina-Pr

Desirê Menezes Silva, Marcia Regina Gabardo da Câmara, José Carlos Dalmas

Resumo


O objetivo do presente artigo é analisar os determinantes do consumo dos produtos orgânicos em supermercados de Londrina – PR. A metodologia de desenvolvimento do artigo foi realizada em duas partes: teórica e empírica, dado o caráter exploratório do estudo. A metodologia da parte teórica envolveu o estudo dos determinantes da oferta e demanda de produtos orgânicos no mundo e no Brasil. A metodologia da parte empírica envolveu o desenvolvimento de um questionário a partir das premissas levantadas na parte teórica para identificar os determinantes da oferta e da demanda de produtos orgânicos nos supermercados de Londrina. O questionário pré-teste possuía 10 perguntas e foi aplicado em 10 consumidores para identificar as suas limitações. Após realizados os ajustes necessários, foram entrevistados 91 consumidores em três supermercados da cidade . Foram levantadas as características sobre as opiniões dos consumidores sobre os fatores que estimularam a compra e as barreiras para a aquisição dos produtos nos mercados locais. O artigo também analisou e contextualizou a estratégia de posicionamento dos produtos nas gôndolas a fim de direcionar e aumentar as vendas. Verificou-se, também, que o preço tem sido a maior barreira para a compra destes produtos.

 


Palavras-chave


Agronegócio; Produtos orgânicos; Supermercado.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.2005v26n1p95

Semina, Ciênc. Soc. Hum.

email: seminahumanas@uel.br
E-ISSN: 1679-0383

DOI: 10.5433/1679-0383


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

SalvarSalvarSalvarSalvar